Diretor de O Vencedor é acusado de abuso sexual pela sobrinha transexual

O indicado ao Oscar David O. Russell está sendo investigado pela polícia da Flórida por ter apalpado a jovem; suposta vítima admite que não se opôs, mas afirma ter se sentido "desconfortável"

Redação Publicado em 06/01/2012, às 13h10 - Atualizado às 13h40

David O. Russell
AP

O diretor David O. Russell, indicado ao Oscar por O Vencedor, está sob investigação na Flórida. Ele foi acusado por sua sobrinha transexual de 19 anos de abuso sexual, segundo o site TMZ.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

De acordo com ela, Russell colocou as duas mãos debaixo da blusa dela e apalpou seus seios. O diretor afirmou à polícia que a interação foi totalmente consensual e aconteceu enquanto os dois malhavam na academia de um hotel da Flórida, no último dia 30.

De acordo com o relatório da polícia, a sobrinha de Russell (com quem ele não tem laços de sangue), que nasceu homem e está, atualmente, enfrentando o processo pré-operatório para mudança de sexo, disse que o diretor estava fazendo perguntas a respeito dos hormônios que ela estava tomando e sobre o efeito que eles têm no crescimento dos seios. Ele, então, teria apalpado a jovem, que admite não ter se oposto a isso, mas afirma ter se sentido desconfortável. Russell também afirmou, quando interrogado, que foi tudo consensual.