Disco de Kanye West transforma Kenny G no quinto artista a aparecer no Top 40 por 4 décadas seguidas

Além do saxofonista, apenas Madonna, Michael Jackson, U2 e "Weird Al" Yankovic possuem o recorde

Redação Publicado em 05/11/2019, às 10h32

None
Kenny G (Foto: AP)

Kenny G se tornou o quinto artista a aparecer pelo menos uma vez no Top 40 da Billboard Hot 100 em quatro décadas seguidas. O recorde foi conquistado com a música "Use this Gospel", do último disco de Kanye West, Jesus is King, na qual o artista toca saxofone soprano. 

O álbum do rapper, lançado no dia 25 de outubro, alcançou o primeiro lugar na Billboard 200 e a colaboração ocupou o 37º lugar, com 17,3 milhões de streams apenas na semana de estreia nos Estados Unidos.

+++ Leia Mais: Jesus Is King, disco do Kanye West, chega ao topo das paradas e iguala rapper a recorde do Eminem

A primeira vez que o músico entrou para o Top 40 da Billboard 100 foi nos anos 1980 com 3 músicas, entre elas "Songbird" em quarto lugar. Na década seguinte, Kenny G apareceu na lista com 2 hits, como "Forever in Love", que ocupou o 18º lugar. Já no início dos anos 2000, "Auld Lang Syne" foi uma das duas faixas do músico que ocupou o Top 10.

E apenas com alguns meses para terminar a década de 2010, o saxofonista conseguiu bater o recorde que até então só havia sido conquistado por Madonna, Michael Jackson, U2 e  "Weird Al" Yankovic.

+++ Leia Mais: Jesus Is King, disco do Kanye West, chega ao topo das paradas e iguala rapper a recorde do Eminem

Curiosamente, todos esses artistas apenas possuem este recorde por causa de uma colaboração. Os vocais de Jackson aparecem na música "Don't Matter to Me", do rapper Drake, que ocupou a 9ª posição no ranking em 2018. Já o U2 entrou para lista no 33º lugar com a música "XXX", de Kendrick Lamar, em 2017. 

Em 2012, a parceria de Madonna, Nicki Minaj e M.I.A., "Give Me All Your Luvin", chegou ao 10º lugar. Por fim, Yankovic é o único músico que entrou para o ranking da década de 2010 sem parceria.