Pulse

Disco Grace, de Jeff Buckley, será reeditado em comemoração de 25 anos do álbum

O catálogo do músico falecido será expandido digitalmente e incluirá o raro demo de “Sky Blue Skin”

Angie Martoccio, Rolling Stone EUA Publicado em 07/08/2019, às 20h30

None
Jeff Buckley (Foto: Merri Cyr/Sony Music/Divulgação)

O disco Grace (1994), de Jeff Buckley, será reeditado em comemoração aos 25 anos do álbum. Além disso, o catálogo do músico morto em 1997 será expandido digitalmente. O lançamento está previsto para 23 de agosto.

Mais de 50 músicas serão lançadas nas plataformas digitais, sendo que uma delas é uma versão rara de “Sky Blue Skin”, uma das últimas faixas gravadas por Jeff Buckley antes de sua morte aos 30 anos. 

Quatro concertos ao vivo também serão lançados: Live at Wetlands, Nova York NY (16 de agosto de 1994); Live From Seattle, WA (7 de maio de 1995); Cabaret Metro, Chicago, IL (13 de maio de 1995) e Live at Columbia Records Radio Hour. Este último chegará aos fãs pela primeira vez de forma completa.

Apesar de Grace ter sido relançado no aniversário de 10 anos do disco, em 2004, a nova versão conta com a faixa bônus de “Strawberry Street,” escrita por Jeff Buckley no final dos anos 1980.

Os álbuns Sketches for my Sweetheart of the Drunk, produzido por Tom Verlaine do grupo Television, e Mystery White Boy também serão relançados com músicas bônus.

“A indústria da música sofreu mudanças profundas desde que Jeff morreu,” disse a mãe de Buckley, Mary Guibert, em um comunicado enviado à imprensa. “Eu não sei se ele previu o estado atual das coisas. Já que tudo o que realmente temos dele está ‘no cofre’, eu estou empolgada que finalmente podemos abrir essas portas e dar o máximo possível para os fãs do Jeff: os mais antigos, os mais novos e aqueles que ainda nem nasceram.” 

O disco Grace vai ser celebrado com uma linha inédita de produtos, incluindo uma edição do vinil azul. Ainda, os diários e letras escritos pelo artista Jeff Buckley serão publicados em 15 de outubro pela editora americana Da Capo Press. Intitulado de Jeff Buckley: His Own Voice, o livro biográfico foi co-editado pela mãe do cantor e pelo jornalista da Rolling Stone EUA, David Browne - o redator escreveu um dos primeiros perfis de Jeff Buckley no jornal americano The New York Times, em 1993.

LISTA: 13 segredos de 'Ladrão', o terceiro disco do Djonga e um dos melhores de 2019