Discos em vinil dos Beatles serão relançados com áudio mono

Caixa especial terá 14 LPs e um livro de capa dura de 108 páginas com fotos raras e documentos de arquivo

Rolling Stone EUA Publicado em 16/06/2014, às 13h35 - Atualizado em 17/06/2014, às 12h58

Beatles
AP

Cinco anos depois de lançar The Beatles in Mono, uma caixa com o catálogo até 1968 mixado em formato monofônico, mais conhecido como mono, a banda relançará o mesmo box em uma versão em vinil. Embora o quarteto tenha lançado todos os discos com áudio estéreo, os Beatles consideravam as versões em mono como as definitivas.

Edição 91: Como os Beatles Conquistaram o Mundo.

A edição limitada de 14 discos incluirá os primeiros nove álbuns lançados no Reino Unido (de Please Pease Me a The Beatles), a compilação norte-americana Magical Mystery Tour e a coleção Mono Masters, que consiste de singles não lançados em álbuns, tudo em vinis de 180 gramas com artes gráficas iguais às originais e um livro de capa dura de 108 páginas. Cada LP também estará disponível para compra separadamente.”

Galeria: dez coisas que você não sabia sobre a música dos Beatles.

O engenheiro de som Sean Magee e o supervisor de masterização Steve Berkowitz, ambos vencedores do Grammy, remasterizaram cada um dos discos em vinil na mesma sala do estúdio em Abbey Road na qual aquase todos os álbuns da banda foram gravados, usando as mesmas fitas da época, sem o auxílio digital. Em vez disso, eles optaram por usar os procedimentos dos anos 1960, até consultando anotações deixadas pelos engenheiros que fizeram as versões originais. Magee e Berkowitz passaram semanas ouvindo as gravações e comparando as versões originais com a primeira leva de discos lançados pela banda.

Paul McCartney, uma lenda viva que não consegue ficar parada.

O livro que acompanha o box contém novos ensaios e uma descrição detalhada do processo da masterização feita pelo produtor de rádio Kevin Howlett. A publicação ainda terá fotos raras dos Beatles em estúdio, documentos de arquivo, reportagens sobre a banda e reprodução das propagandas do grupo da década de 1960.

Os Beatles lançaram uma caixa de discos na versão estéreo em 2012. Magee contou à Rolling Stone EUA que ele passou menos tempo trabalhando nas versões em vinil do que quando fez o relançamento dos CDs, quando se viu diante de becos sem saída, principalmente por causa da letra “S”, que quando era cantada, foi gravada de forma distorcida nos LPs. Isso o obrigou a reduzir o volume cada vez que a letra aparecia. “Um bom exemplo é em ‘She Said She Said’”, diz ele. “Consumiu meu tempo, mas foi a melhor coisa a se fazer: atenção aos detalhes e sendo o mais exigente possível.”

Galeria: dez grandes parcerias do rock and roll, como John Lennon e Paul McCartney.

No início deste ano, a banda também lançou uma caixa de CDs chamada The U.S. Albums, que trazia as versões norte-americanas dos discos, com a ordem das faixas rearranjadas. O relançamento marcou a comemoração do aniversário de 50 anos da chegada do grupo aos Estados Unidos e coincidiu com a homenagem do Grammy e o programa de TV The Night That Changed America, que celebrava a primeira aparição no The Ed Sullivan Show.

Por que o sonho acabou: os bastidores da saga dos Beatles – e as forças que esfacelaram a maior banda de todos os tempos.

Assista ao trailer do relançamento: