Disney quer comprar Marvel por US$ 4 bilhões

Anunciada nesta segunda, 31, transação depende de aval de órgãos reguladores dos EUA e dos acionistas da Marvel

Da redação Publicado em 31/08/2009, às 14h25

A Walt Disney Company anunciou nesta segunda, 31, via site oficial, a compra da Marvel Entertainment.

A transação movimentará, em dinheiro e ações, algo em torno de US$ 4 bilhões e dará aos estúdios fundados por Walt Disney há 86 anos direito sobre o catálogo de mais de cinco mil personagens da gigante dos quadrinhos - inclua aí as trupes de X-Men, Homem de Ferro e Homem-Aranha, todas base para adaptações milionárias aos cinemas.

O acordo garantirá aos acionistas da Marvel US$ 30 mie fatia de 0,745 da ação para cada papel da editora no poder da Disney.

"Nós acreditamos que adicionar a Marvel ao portfólio de marcas da Disney forneça oportunidades significativas para crescimento a longo prazo e criação valiosa", declarou Robert A. Iger, presidente da empresa cujo maior símbolo é Mickey Mouse.

Na mesma nota, Ike Perlmutter, chefe-executivo da Marvel, retribuiu o afago: "A Disney é a casa perfeita para o fantástico catálogo de personagens, estando provada a habilidade [da companhia] para expandir o conteúdo criativo e licenciar negócios".

Os conselhos administrativos das duas empresas já acordaram o fechamento do negócio. Falta, agora, a aprovação dos órgãos de regulação dos Estados e dos acionistas da Marvel.

A aquisição deixa em seu rastro dúvidas a respeito da adaptação de obras da Marvel aos cinemas. A Fox, por exemplo, detém os direitos de X-Men e tem planos de realizar novos filmes da franquia - entre eles, o segundo filme de Wolverine e outro dedicado ao mutante Deadpool.