Donald Trump definitivamente não entendeu ‘Parasita’ e estúdio rebate: ‘Não sabe ler’

O presidente dos Estados Unidos criticou a vitória de Parasita no Oscar 2020 e pediu a volta dos filmes norte-americanos na premiação

Redação Publicado em 21/02/2020, às 11h16

None
Cena de Parasita, dirigido por Bong Joon Ho (Foto: Reprodução)

Donald Trump definitivamente não entendeu Parasita, o longa-metragem vencedor da estatueta de Melhor Filme no Oscar 2020. O presidente dos Estados Unidos criticou a vitória da obra de Bong Joon Ho durante uma campanha de reeleição, no Colorado Springs.

"Quão ruim foi o Oscar este ano? E o vencedor é ... um filme da Coreia do Sul! O que foi isso? Temos problemas suficientes com a Coreia do Sul com relação ao comércio. Além disso, dão a eles o melhor filme do ano. Foi bom? Eu não sei. Vamos voltar com ...E o Vento Levou e Crepúsculo dos Deuses, por favor? Tantos filmes excelentes."

Ele completou: “Eu pensei que era o Melhor Filme Estrangeiro, certo? Melhor filme estrangeiro. Isso já aconteceu antes?”

+++ LEIA MAIS:  Death Note volta depois de 12 anos - e provoca Donald Trump no novo mangá

Joon-Ho realmente fez história ao ganhar a estatueta de Melhor Filme no Oscar 2020 com um filme não falado em inglês. Além do principal prêmio da cerimônia, Parasita também venceu as categorias de Melhor Direção, Roteiro Original e Filme Internacional.

E o estúdio responsável pela distribuição da obra não ignorou a declaração do presidente norte-americano e respondeu nas redes sociais: "É compreensível, ele [Trump] nem saber ler".

+++LEIA MAIS: Trump diz que ‘maconha deixa as pessoas burras’ e filho rebate

Trump ainda criticou a vitória de Brad Pitt na categoria de Melhor Ator Coadjuvante. Durante o discurso de agradecimento, o ator mencionou John Bolton, uma testemunha chave do impeachment do presidente, que foi impedido de participar do processo pelos senadores republicanos.

"E então você tem Brad Pitt. Eu nunca fui um grande fã dele. Levantou, fez uma gracinha [ao receber o Oscar]. Ele é um cara pouco inteligente."

No discurso de agradecimento, Pittdisse: "Eles me disseram que eu só tenho 45 segundos aqui, o que são 45 segundos a mais do que o Senado concedeu a John Bolton esta semana".


+++ SESSION ROLLING STONE: RUBEL TOCA MANTRA