É possível ter aulas de magia em Hogwarts como Harry Potter na vida real; veja como

Aplicativo criado por fãs cria uma verdadeira imersão no mundo do bruxo

Redação Publicado em 31/03/2020, às 11h11

None
Harry Potter. (Warner / Divulgação)

Com o lançamento do primeiro livro de Harry Potter, em 1997, J. K. Rowling fascinou o mundo com toda a complexidade da escola de Hogwarts - e todos os fãs dos livros e filmes são fascinados pela instituição dirigida por Dumbledore até hoje. Esse amor todo, em 2014, virou uma rede social criada por fãs, chamada Hogwarts Is Here.

Devido a pandemia do novo coronavírus e distanciamento social por conta da doença, Hogwarts Is Here foi melhorada. Atualmente, a plataforma permite que os usuários se sintam como um primeiro-anista da escola - e além.

+++LEIA MAIS: Fãs descobrem que Quentin Tarantino tem feito review de filmes clássicos em rede social

Como aluno, é possível ter aulas como Astronomia, Feitiços, Defesa Contra as Artes das Trevas, Herbologia, História da Magia, Poções e Transfiguração.

Cada usuário também pode se tornar Monitor(a)-Chefe, para ter esse título, é preciso fazer o curso, cada um composto por nove lições. Eles envolvem leitura, redação de ensaio e realização de testes.

Certamente, as casas serão uma peça importante, porém Hogwarts Is Here não tem um Chapéu Seletor, ou seja, os próprios alunos escolhem se querem ir para Grifinória, Sonserina, Lufa-Lufa ou Corvinal.

+++LEIA MAIS: Figura curiosa de Tiger King, da Netflix, Joe Exotic realmente canta nos videoclipes dele?

Depois de se inscrever no site e escolher a casa, apostilas ficarão disponíveis para compra. Os cursos vão até o sétimo ano de Hogwarts e também inclui aulas de alquimia e preparatórias para Níveis Ordinários de Magia.

O site é descrito como "Um grupo de fãs criativos e apaixonados por Harry Potter se reuniu e construiu uma rede social mundial de bruxos on-line, onde milhares de fãs podem se reunir".

Para acessar ao Hogwarts Is Here, clique aqui.


+++ TRAVIS SCOTT: O HYPE EM TORNO DELE REALMENTE FAZ SENTIDO?