E3 2014: Mario Maker, Yoshi’s Woolly World e o que vimos de mais legal no terceiro dia

Gus Lanzetta, de Los Angeles Publicado em 12/06/2014, às 15h08 - Atualizado em 30/06/2014, às 13h33

Yoshi's Woolly World será lançado em 2015 para Wii U.

Ver Galeria
(4 imagens)

No terceiro dia de E3, jogamos mais alguns dos games apresentados no evento. Veja abaixo os destaques e clique na galeria para ver imagens.

Far Cry 4 (Ubisoft) – PC/PS3/PS4/360/XONE

Trocando as tradicionais paisagens tropicais da série por montanhas com neve e elefantes, Far Cry 4 é uma pintura nova em um carro que você já dirigiu. Há um extenso mapa para explorar, há bases inimigas para neutralizar, um vilão megalomaníaco e estranhamente cativante, veículos de ar, terra e mar e bichos para caçar. A novidade mais interessante é a possibilidade de jogar cooperativamente com mais um jogador, assim alterando a dinâmica das missões, já que é possível criar diferentes estratégias para derrotar grupos de inimigos, infiltrar bases e explorar novas áreas.

Evolve (Turtle Rock Studios) – PC/PS4/XONE

Dos criadores de Left 4 Dead, Evolve tem uma proposta de multiplayer muito interessante: um time de quatro humanos luta contra um monstro gigante. Tanto os humanos quanto o monstro são controlados por jogadores. Esse modelo assimétrico de multiplayer garante variedade nas experiências de cada jogador e um nível de desafio e imprevisibilidade ao comportamento de todos os envolvidos, tanto a caça quanto o caçador. O cenário mostrado na E3 deste ano envolve um Kraken (um monstro voador com muitos dentes que tem que comer criaturas espalhadas pelo mapa para evoluir, antes de enfrentar os humanos e tentar destruir seu gerador de energia). Os humanos são divididos em quatro classes com habilidades e arsenais distintos, mas cada classe terá vários personagens diferentes na versão completa do jogo. O time de caçadores tem que se comunicar o tempo inteiro, manter a proximidade e cooperar acima de tudo. Nenhum jogador humano sozinho consegue fazer muito mal ao monstro. A dinâmica é bem divertida e abre espaço pra muitas estratégias. No jogo completo haverá vários cenários diferentes com monstros e objetivos distintos.

Mario Maker (Nintendo) – WiiU

Depois de ver os seus fãs criarem inúmeras fases bizarras para todos os jogos do Mario, a Nintendo finalmente decidiu oficializar isso com Mario Maker. O editor usa a tela do WiiU – com uma interface que lembra a de Super Mario Paint – e lhe permite mover, remover e adicionar às fases vários tipos de itens típicos do mundo de Mario. Só foi possível testar três breves fases e não existe bem um jogo ou pacote completo ainda. É uma ideia interessante e as ferramentas estão bem realizadas até agora, mas falta ver o que a Nintendo fará com elas. A empresa ainda não confirma nem se será possível compartilhar fases online.

Yoshi’s Woolly World (Nintendo) – WiiU

As aventuras de Yoshi vão ganhar o tratamento New Super Mario Bros. com o novo jogo do dinossauro: agora você e mais três jogadores podem ser Yoshis ao mesmo tempo. Diferente da série do encanador italiano, a dinâmica e o ritmo da exploração de fases não parece muito afetada pela adição de mais usuários. Isso porque os Yoshis são mais lentos e não pulam tanto quanto os personagens de NSMB. Mesmo assim, há habilidades que você só tem como usar se tiver alguém com você: no teste que fizemos, foi essencial engolir o nosso parceiro, transformá-lo em um ovo por meios intestinais (que preferimos não entender por completo) e atirá-lo em plataformas difíceis de alcançar. Essa versão do mundo de Yoshi totalmente feita de lã está muito bonita em alta resolução e parece que será divertido conhecê-la melhor quando o jogo sair.