Games continuam pop

Feira E3 insiste na onda dos games musicais e faz homenagem virtual a Michael Jackson

Por Pablo Miyazawa, de Los Angeles Publicado em 16/06/2010, às 17h39

Se havia dúvidas de que o mercado fonográfico e os artistas pop ainda precisam dos videogames, a feira de games E3 dissipou todas elas.

Na tarde de segunda-feira, 14, a produtora francesa de games Ubisoft anunciou a produção de um jogo inspirado na história de Michael Jackson. O jogo, um simulador de performance (canto e dança, detalhes não foram divulgados) que será lançado para diversos consoles, foi revelado em um evento para a imprensa com direito a um grupo de dançarinos executando os passos mais famosos do Rei do Pop, morto em 25 de junho de 2009. O jogo deve ser lançado ainda em 2010, para todas as plataformas disponíveis.

O retorno de MJ aos games (ele já havia estreado um jogo próprio em 1990, Moonwalker) aponta uma tendência cada vez mais evidente: o mercado da música continua sendo uma fonte de inspiração essencial para as empresas que já se aproveitam do filão há alguns anos. Como a Activision, que se estabeleceu como uma das maiores produtoras de jogos do planeta graças ao sucesso da franquia Guitar Hero.

Para divulgar seus novos games com lançamento marcado para 2010, a Activision organizou um evento musical na noite de segunda, no ginásio Staples Center, no centro de Los Angeles. Milhares de convidados presenciaram apresentações de nomes diversos como Eminem, Rihanna, Usher, Chris Cornell, David Guetta e Jane's Addiction, que tocaram seus próprios sucessos enquanto cenas dos novos games apareciam nos telões. Entre os destaques, DJ Hero 2, continuação do game que simula a experiência de um DJ; Guitar Hero: Warriors of Rock, mais um capítulo do jogo que reproduz a sensação de se tocar em uma banda através de instrumentos-joystick de plástico; e o game de guerra ultrarrealista Call of Duty: Black Ops.

A produtora Harmonix, que em 2009 ganhou notoriedade mundial graças ao seu game baseado na história dos Beatles, por sua vez, seguiu por um caminho diferenciado - mas sem esquecer suas "raízes". Além de anunciar mais um capítulo da série Rock Band (o simulador agora poderá ser jogado com uma guitarra-joystick híbrida, com cordas, tal qual um instrumento de verdade), a produtora revelou a criação de um game de dança exclusivo para o acessório Kinect do Xbox 360. Dance Central trará músicas de nomes como Lady Gaga e Beastie Boys e mais de 600 movimentos de corpo possíveis, que devem ser executados com precisão pelo jogador diante da TV. O lançamento está previsto para o final do ano.