El Camino teria superado bilheteria de Coringa se tivesse sido lançado nos cinemas

Segundo o TheWarp, o epílogo de Breaking Bad teve um ótimo rendimento no final de semana de estreia

Redação Publicado em 18/10/2019, às 11h47

None
Montagem com Coringa (Foto: Reprodução) e El Camino (Reprodução)

O epílogo de Breaking Bad, El Camino, estrelado por Aaron Paul, poderia ter conquistado o primeiro lugar nas bilheterias dos Estados Unidos - se tivesse sido lançado nos cinemas. As informações são do site TheWrap.

Na última quinta, 17, a Nielsen Media Research revelou que a quantidade média de telespectadores de El Camino foi de 6,5 milhões de pessoas nos dias 11, 12 e 13 de outubro.

Enquanto isso, a Associação Nacional de Proprietários de Cinemas informou que o preço médio dos ingressos de cinema para o terceiro trimestre de 2019 chegou a US$ 8,93 na América do Norte.

Portanto, se todas as pessoas que viram El Camino tivessem comprado um ingresso a esse preço, a obra de Vince Gilligan teria arrecadado um total de US$ 58 milhões, ou seja, o suficiente para superar a bilheteria de Coringa, que arrecadou US$ 55 milhões entre os dias 11 e 13 de outubro (segundo final de semana de exibição do longa de Todd Phillips).

A hipótese vem com a ressalva de que reproduzir um filme no conforto de casa demanda menos tempo e esforço do que realmente ir ao cinema. Mas, considerando os números da Nielsen, as métricas do YouTube para o trailer e as exibições esgotadas da Netflix em cinemas dos Estados Unidos, há fortes indícios de que El Camino teria sido um sucesso de bilheteria.