Elton John revela que esteve trabalhando com Metallica na pandemia

"Acabei de fazer algo com o Metallica", disse o cantor sem dar detalhes sobre a colaboração

Redação Publicado em 29/03/2021, às 09h06

None
O vocalista do Metallica, James Hetfield (Foto: Sipa via AP Images)/ Elton John (Foto: Matt Sayles/Invision for Black Ink/AP Images)

Depois de lançar um álbum em parceria com Lou Reed, Lulu (2011), e tocar com Lady Gaga no Grammy Awards de 2017, parece que o Metallica terá mais um colaborador que foge do estilo thrash metal apresentado pela banda: Sir Elton John.

No programa Rocket Hour, da Apple Music, Elton John revelou que esteve trabalhando com o Metallica durante o período de lockdown da pandemia do coronavírus. "Acabei de fazer algo com o Metallica. Durante este período de lockdown, tenho trabalhado com o Gorillaz e pessoas assim", disse o cantor. 

+++LEIA MAIS: A história por trás de 5 sucessos de Elton John: De 'Your Song' a 'Tiny Dancer' [LISTA]

De acordo com o site NME, não foi informado se a colaboração entre Elton John e Metallica renderá uma música ou um disco. Nenhum detalhe foi dado pelo cantor. 

"Não tenho feito nada do Elton, mas tenho feito ótimas coisas com outras pessoas. Então, vou dar meu e-mail para você, me envie um e-mail e vamos nos reunir e fazer alguma coisa, ok?", brincou Elton John

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes

Recentemente, a cantora pop Miley Cyrus disse que, em seu álbum de covers do Metallica que está preparando, Elton John participará tocando piano em "Nothing Else Matters".

À estação de rádio Capital FM, Miley disse: "Fiz um cover de 'Nothing Else Matters', do Metallica, com Elton John no piano. Ainda tenho Yo-Yo Ma e Chad Smith. São tantas estrelas nesta banda. Estou muito animada com essa colaboração."

+++LEIA MAIS: Metallica comemora 35 anos de Master of Puppets com performance arrepiante de 'Battery'; assista


 +++ KANT | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL

+++MAIS SOBRE ELTON JOHN: A história por trás de 5 sucessos do cantor

 

"Candle in the Wind"

"Candle in the Wind" foi escrita originalmente como uma homenagem à Marilyn Monroe, mas ganhou novos versos após a morte da princesa Diana, amiga de John, em 1997, de acordo com a Claudia.

A homenagem à integrante da realeza britânica alcançou o primeiro lugar na Billboard Hot 100 junto com "Something About the Way You Look Tonight," e venceu o Grammy de Melhor Performance Masculina de Pop Vocal. 

+++ LEIA MAIS: Elton John compartilha “o melhor conselho” que recebeu na carreira


"Don't Go Breaking My Heart" 

De acordo com o Ultimate Classic Rock, "Don't Go Breaking My Heart" seguiu um processo criativo diferente das maiorias das canções de John e Taupin. O pianista criou a música antes da letra, que foi adicionada posteriormente por Taupin

Inspirada nos duetos de Marvin Gaye, John compôs a canção gravada com Kiki Dee e criou o verso principal dela. "Foi tão estranho vê-lo escrevendo uma música no estúdio sem letra. Eu nunca tinha visto ele fazer isso antes. E tudo o que ele estava cantando era: 'Don't go breaking my heart. Don't go breaking my heart. Don't go breaking my heart. Don't go breaking my heart. Don't go breaking my heart…' Isso é o que ele cantou durante todo o tempo," disse o produtor Gus Dudgeon em um texto publicado no site oficial de John

+++ LEIA MAIS: Elton John agora tem a própria moeda oficial no Reino Unido


"Your Song"

"Your Song", um dos maiores clássicos de John, foi composta rapidamente na cozinha da mãe do músico. Segundo o Louder Sound, Taupin escreveu a letra com 17 anos após imaginar o que seria uma verdadeira experiência romântica, algo que tinha pouco conhecimento sobre. 


"Rocket Man"

Segundo o Ultimate Classic Rock, "Rocket Man" foi inspirada em uma história de Ray Bradbury, do livro The Illustrated Man - e não pelo sucesso de David Bowie "Space Oddity", lançado três anos antes. 

A letra foi escrita mentalmente por Taupin enquanto dirigia para casa. "Quando cheguei em casa, tinha escrito a música na minha cabeça. Eu entrei e tive que correr e escrever tudo antes que eu esquecesse," disse o compositor para a Rolling Stone EUA em 1973.


"Tiny Dancer"

Para "Tiny Dancer", Taupin se inspirou nas mulheres que conheceu na Califórnia durante 1970, de acordo com o Observatório do Cinema. "Tem uma que eu fiz no outro dia, chamada ‘Tiny Dancer’, sobre a namorada de Bernie. Eu olhei as opções e preferi fazer essa, principalmente porque sabia que Bernie gostaria,” explicou John em um vídeo raro.