Em 1999, Britney Spears transformou o pop com primeiro álbum da carreira, ...Baby One More Time

O disco lançado há 22 anos representou uma mudança no teen pop e transformou a cantora em um ícone mundial

Camilla Millan I @camillamillan Publicado em 12/01/2021, às 15h21

None
Britney Spears no clipe Baby One More Time (Foto: Reprodução / YouTube)

Há exatos 22 anos, Britney Spears estreou no mundo musical com o álbum ...Baby One More Time. Apesar de ter apenas 17 anos na época, a cantora se transformou em um ícone internacional - e o disco representaria uma transformação do pop.

+++LEIA MAIS: 9 hits lendários de Britney Spears [LISTA]

A partir do lançamento do álbum em 12 de janeiro de 1999, o teen pop nunca mais seria o mesmo. Com hits como a faixa-título “...Baby One More Time” e a popular “(You Drive Me) Crazy”, Britney Spears ditou o estilo pop dos anos 2000 - todo mundo queria ser igual a artista (ou propositalmente o extremo contrário dela).

Apesar das críticas mistas, o disco vendeu mais de 30 milhões de cópias mundialmente e alçou Britney Spears ao sucesso. O álbum estreou no topo da Billboard 200 com a faixa-título como single nº1 na Billboard Hot 100 - primeira vez na qual uma estreante conseguiu esses números.

+++LEIA MAIS: Jamie Lynn, irmã de Britney Spears, assume curatela da cantora depois de pai se retirar

O principal responsável pelos recordes de Spears foi a faixa “... Baby One More Time”, lançada como single em outubro de 1998. A canção pop, mistura de refrão chiclete e batida dançante, fala sobre uma menina que se arrependeu de terminar a relação com o ex-namorado - e a letra simples não poderia ter ficado mais popular.

Em novembro de 1998, o clipe do single foi lançado para mostrar que, mesmo nova, Britney já sabia muito bem o que queria com a música. Na época das filmagens, a cantora tinha apenas 16 anos, e ela teve a ideia de da escola católica e do famoso uniforme colegial do vídeo - além do design amarrado das camisetas.

+++LEIA MAIS: O que causou o fim do relacionamento de Britney Spears e Justin Timberlake?

O visual do clipe se estendeu para o disco e para o “padrão Britney” instaurado em seguida, cujas coreografias e performances tinham destaque absoluto e dialogavam com as roupas da cantora. A composição desses elementos foi a marca do sucesso de Spears e de toda uma nova identidade visual da música pop que surgiu com a artista.

Mesmo com uma enxurrada de críticas sobre o visual “vulgar” de uma adolescente, Spears tinha as respostas na ponta da língua: "Eu mostrando o meu umbigo? Eu sou do sul [dos Estados Unidos]; você é estúpida se não usar um sutiã esportivo [quando for] para a aula de dança, você vai suar muito", disse em entrevista à MTV na época. 

Com o disco ...Baby One More Time, Britney Spears anunciou que ela podia ser adolescente, mas também queria ser sexy - e isso foi definitivo para a carreira e estilo musical da artista, que antes queria viver da música country.

+++LEIA MAIS: Britney Spears lança single inédito com Backstreet Boys; ouça ‘Matches’

Rapidamente, a cantora virou um sex symbol e o rosto do que significaria a palavra “popstar” nos anos 2000 - e não ao acaso, o disco permanece como o mais vendido da carreira de Britney Spears. O trabalho representou uma virada na música e em todo o visual acompanhado por ela. 

Se antes o teen pop não recebia tanta atenção e tinha sido desvalorizado, com Britney Spears ele passou a ser atração principal. Devido ao disco, a cantora provocou o renascimento do gênero, recebendo duas indicações ao Grammy Awards além dereceber o prêmio de álbum favorito do público no Teen Choice Awards

Com os grandes números do disco de estreia, Spears se eternizou como a “princesa do pop”, transformando-se em uma influência para diversos artistas que viriam em seguida. Seja com clipes icônicos, letra chiclete, visuais memoráveis, coreografias ou recordes, a cantora iniciou a carreira musical mudando a história.

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ TICO SANTA CRUZ | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL