Em primeiro show depois de acusações de abuso, Placido Domingo é ovacionado em pé

O espanhol se apresentou no Salzburg Festival, na Áustria, no último domingo, 25

Redação Publicado em 26/08/2019, às 13h50

None
Placido Domingo (Foto:CTK/AP Images)

No último domingo, 25, Placido Domingo voltou aos palcos no Salzburg Festival, em Salzburgo, na Áustria. O tenor e barítono espanhol foi recebido com aplausos de pé na primeira apresentação após nove mulheres o acusarem de assédio sexual

Domingo não havia tocado nenhuma nota quando a platéia do festival se levantou e o ovacionou. Após a recepção calorosa do público, o espanhol iniciou a ópera Luisa Miller, por Giuseppe Verdi. 

+++ LEIA MAIS: Ator de clipe de Katy Perry acusa cantora de assédio sexual

"Foi uma ópera extraordinária com um elenco fantástico, foi um momento verdadeiramente inesquecível. O público nos recebeu com carinho", disse Domingo à Agência Efe.

O múltiplo vencedor do Grammy foi acusado por anos de assédio sexual. Três mulheres alegaram que Domingo, casado desde 1962, forçou beijos em um camarim, no quarto de hotel e em uma reuniõa de almoço. Outra vítima disse que ele tentou colocar a mão dentro da saia.

A única testemunha que quis se identificar, Patricia Wulf, disse que o cantor de ópera nunca a tocou, mas a pressionava constantemente por sexo. 

+++ LEIA MAIS: Disney exclui cena de Toy Story 2 que fazia piada com assédio sexual

Duas casas de ópera - a Orquestra da Filadélfia e a Ópera de São Francisco - cancelaram as apresentações depois que as acusações vieram à tona.

Já o Metropolitan Opera de Nova York preferiu aguardar uma investigação sobre as acusações. 

+++ De Djonga a Metallica: Scalene escolhe os melhores de todos os tempos