Em qual música o Led Zeppelin homenageou a sonoridade e o legado de James Brown?

Em uma faixa do disco Houses of the Holy, Jimmy Page e Robert Plant inseriram referências ao avô da música soul

Redação Publicado em 22/02/2020, às 13h00

None
Led Zeppelin em 1968 (Foto: Reprodução/ Instagram/Jørgen Angel)

Houses of the Holy é um disco que, apesar de poderoso, com certeza deixou muito fã do Led Zeppelin sem entender direito o rumo que a banda havia tomado, e sem saber para onde eles iriam em seguida. Mas no meio dessa confusão, Jimmy Page e Robert Plant inseriram uma homenagem a ninguém menos que James Brown.

Na música "The Crunge", que marca o fim da primeira metade do álbum, o guitarrista entra na faixa com uma forma atípica de tocar os acordes, muito diferente de tudo que ele já havia mostrado até então.

+++LEIA MAIS: Robert Plant admitiu que letra de um dos clássicos do Led Zeppelin foi ‘roubada’; entenda

De acordo com o site CheatSheet, em uma entrevista à revista Guitar World, em 1992, Page contou que usou uma gutiarra do modelo Stratocaster na canção, "porque queria atingir aquela sensação hermética [das músicas] do James Brown".

E não foi apenas na sonoridade que eles homenagearam o avô do soul: "Excuse me, oh will you excuse me", Plant canta em um determinado momento. "I’m just trying to find the bridge. Has anyone seen the bridge?", o vocalista continua.

+++LEIA MAIS: 5 bandas que surfaram na popularidade de outras - e, sim, tem Greta Van Fleet na lista

Essa parte da letra é uma referência direta à canção "Get Up (I Feel Like Being a) Sex Machine", na qual Brown também pergunta "como chegar na ponte". 

Ouça abaixo "The Crunge"  e o momento de "Get Up (I Feel Like Being a) Sex Machine" ao qual Plant faz referência.


+++ SESSION ROLLING STONE: RUBEL TOCA MANTRA