Em show, Dave Mustaine diz que Obama está por trás de atentado no Colorado

“Eu não sei onde eu vou viver se a América continuar desse jeito, porque parece que ela está se transformando em uma América nazista”, disse o vocalista do Megadeth

Redação Publicado em 16/08/2012, às 17h57 - Atualizado às 19h45

Dave Mustaine falou a respeito do novo disco do Megadeth, TH1RT3EN
AP

Dave Mustaine, vocalista e líder do Megadeth, acusou o atual presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, de participação indireta nos atentados em Aurora, no Colorado, e em Oak Creek, Wisconsin, informou o TMZ. O depoimento ocorreu durante um show da banda no dia 7 de agosto, em Cingapura.

Após alguém da plateia jogar um tênis no palco, Mustaine começou uma conversa com o público. “No meu país, meu presidente [Mustaine enfia um dedo na garganta] está tentando proibir o uso de armas, então ele está encenando todos esses assasinatos. Com o negócio no estilo Fast and Furious na fronteira, e Aurora, no Colorado, todas as pessoas que foram mortas lá. E agora as belas pessoas no templo Sikh [local que abrigava seguidores da religião Siquismo]”. Não satisfeito, Mustaine continuou: “Eu não sei onde vou viver se a América continuar desse jeito, porque parece que ela está se transformando em uma América nazista”.

Veja fotos do show do Megadeth no SWU 2011.

Doze pessoas foram mortas e mais de 50 ficaram feridas em 20 de julho em Aurora, quando James Holmes, de 24 anos, entrou em uma sessão de estreia de Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge e abriu fogo. No último dia 5, seis pessoas foram mortas e quatro ficaram feridas em Oak Creek, quando um atirador identificado como Wade Page, um supremacista branco, atirou em um tempo Sikh, e depois cometeu suicídio. Fast and Furious foi o nome de uma operação da polícia para rastrear o caminho entre vendedores legais nos Estados Unidos e líderes de cartéis de drogas no México. O governo perdeu o paradeiro de algumas das armas, que foram posteriormente encontradas em cenas de crimes no México.

O momento em que Mustaine fez essas declarações foi captado em vídeo por um fã na plateia. Assista abaixo (começa aproximadamente em 2'38"):

Não foi a primeira vez que o cantor, notoriamente de direita, conspirou contra Obama. Em março, em um talk show no Canadá, ele disse: “Eu sei que ele nasceu em outro lugar que não os Estados Unidos”.

O Megadeth voltará ao Brasil para se apresentar no dia 5 de setembro em São Paulo, na Via Funchal. O quarteto tocará a íntegra de seu quinto álbum, Countdown to Extinction, de 1992, para comemorar os 20 anos do trabalho.