Pulse

Em trecho de diário, Taylor Swift revela como se sentiu após Kanye West interromper seu discurso no VMA 2009

Na premiação, o rapper interrompeu a cantora pop para contestar o prêmio de Melhor Vídeo Feminino

Redação Publicado em 27/08/2019, às 11h18

None
Kanye West e Taylor Swift durante a apresentação do VMA 2009 (Foto: AP)

Além das premiações e apresentações megalomaníacas, a época do VMA é marcada por momentos polêmicos e, claro, alguns memes na internet. O evento, que celebra as produções artísticas audiovisuais e as revelações do ano, é um clássico da MTV

Nesta edição, que ocorreu na última segunda, 26, na cidade de Newark, no estado norte-americano de Nova Jersey, as atuais estrelas do pop, Taylor Swift e Ariana Grande foram indicadas a 10 categorias.

+++ VMA 2019: John Travolta confunde drag queen com Taylor Swift e quase entrega prêmio para a artista errada

Entre elas, Swift levou os prêmios por Clipe do Ano e Clipe por Uma Boa Causa com "You Need to Calm Down". A faixa integra o novo disco, Loverlançado na última sexta, 23. 

Quando falamos sobre lançamentos e premiações envolvendo a cantora pop, um episódio que causou polêmica na mídia - e na internet - 2009, sempre volta à tona. 

Na cerimônia realizada naquele ano, Kanye West subiu ao palco em protesto pela vitória de Swift em Melhor Vídeo Feminino com "You Belong With Me". Beyoncé estava disputando na mesma categoria com "Single Ladies". 

+++ LEIA MAIS: BTS, Taylor Swift ou Billie Eilish: quem é mais popular?

West subiu ao palco dizendo: "Ei, Taylor, estou muito feliz por você. Vou deixar você terminar, mas Beyoncé teve um dos melhores vídeos de todos os tempos! De todos os tempos!"

Dez anos depois o ocorrido, Swift segue batendo na mesma tecla para falar sobre o assunto e compartilhou na edição Deluxe de Lover, uma parte do seu diário em que ela fala sobre como se sentiu após o ocorrido. 

+++ LEIA MAIS: VMA 2019: Vencedor de Música do Ano, Lil Nas X precisou de um pergaminho para lembrar dos agradecimentos

"Se você tivesse me dito que uma das maiores estrelas da música ia subir ao palco e anunciar que ele achava que eu não deveria ter vencido, na televisão e ao vivo, eu teria dito 'Essas coisas não acontecem na vida real", escreveu. 

"Bem, aparentemente, acontece."

Com apenas um dia de estreia, o novo projeto da cantora pop, Lover, registrou um recorde de vendas nos Estados Unidos. Segundo os relatórios iniciais da Nielsen Music, o álbum, com 18 faixas, vendeu cerca de 450 mil cópias no primeiro dia de lançamento. O número inclui os dados da pré-venda.

+++ De Djonga a Metallica: Scalene escolhe os melhores de todos os tempos