Emma Watson faz discurso pró-feminismo e lança campanha por igualdade na ONU

Programa “HeForShe” recruta homens para a luta por direitos iguais

Redação Publicado em 22/09/2014, às 15h16 - Atualizado em 23/09/2014, às 17h31

Emma Watson - ONU

Ver Galeria
(11 imagens)

Emma Watson lançou neste sábado, 24, em a parceria com a ONU, o programa “HeForShe” . A campanha comandada pela atriz quer promover a igualdade entre gêneros.

Entrevista- Emma Watson se desvencilha de parte da infância para estabelecer valores próprios.

“Eu comecei a questionar estereótipos de gênero quando tinha 8 anos e ficava confusa quando me chamavam de 'bossy' [mandona]”, disse ela.

Dez objetos mágicos que fãs de Harry Potter adorariam que fossem reais.

“Quando eu tinha 14 anos comecei a ser sexualizada por certos elementos da imprensa. Quando eu tinha 15 anos, minhas amigas largaram os esportes que praticavam porque não queriam parecer ‘musculosas’. Quando eu tinha 18, meus amigos homens não conseguiam expressar sentimentos."

Noé, dirigido por Darren Aronofsky, leva para as telas a famosa história bíblica.

"Eu decidi que era feminista e isso não me parecia complicado. Mas a minha recente pesquisa me mostrou que ‘feminismo’ se tornou uma palavra impopular”, finalizou.

A atriz continuou o discurso recrutando homens e meninos para a luta feminista. Assista ao vídeo abaixo.