Empregado de 50 Cent é acusado de atacar mulher na casa do rapper

Rapper tinha conhecimento do histórico criminal de Dwayne McKenzie, diz mulher agredida

Matthew Perpetua Publicado em 21/09/2011, às 16h27 - Atualizado às 18h06

50 Cent
AP

O rapper 50 Cent está sendo processado por um ataque a uma mulher ocorrido em sua casa, embora ele não estivesse no local quando o suposto crime aconteceu. De acordo com o site TMZ, a acusação é direcionada a Dwayne McKenzie, um empregado do rapper. A mulher declarou que 50 Cent tinha total conhecimento do histórico criminal de McKenzie.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Vasti Ortiz, que move a ação contra o rapper, disse que foi convidada para a sua mansão em Connecticut, onde McKenzie a assediou sexualmente de maneira “visual e vulgar”. Quando ela tentou deixar o local, afirma ter sido agredida fisicamente por outra mulher enquanto McKenzie a segurava.