Empresa cria traje anti-Covid para shows e festivais: compartimento para fumar, luzes de LED e filtro de ar; assista

Segundo Miguel Risueno, chefe do Production Club, o meio-terno Micrashell é "um modo de unir as pessoas"

Redação Publicado em 26/05/2020, às 11h55

None
Novo traje anti-Covid (Foto: Production Club / YouTube / Reprodução)

Muitos países pensam em como reabrir seus estados em meio à pandemia de coronavírus enquanto os apreciadores de música se questionam sobre quando e como será tranquilo assistir aos shows ao vivo novamente. 

+++LEIA MAIS: Diretor de Contágio não previu 'a irracionalidade’ das pessoas com o coronavírus

Pensando nisso, o estúdio Production Club criou o Micrashell, um traje anti-coronavírus que as pessoas podem usar em clubes e festivais de música sem que a Covid-19 se espalhe. A notícia foi dada pelo portal Consequence of Sound.

Em entrevista à NBC de Los Angeles, Miguel Risueno, chefe do Production Club, disse que o Micrashell é um “modo de unir as pessoas”. De acordo com ele, trata-se de um “meio-terno” que bloqueia as “partículas e vírus transportados pelo ar.”

“Precisamos encontrar uma resposta porque as pessoas continuam saindo. Muitas pessoas ainda festejam e ignoram as medidas de distanciamento social”, disse Risueno. 

+++LEIA MAIS: Sem raves ou clubs: como a indústria da música eletrônica sobrevive à pandemia de coronavírus?

Um modelo do Micrashell se assemelha a u traje espacial com cores neon. Há um filtro N95, um sistema de emissão do ar, uma “bolsa para celular” e caixas de pressão para beber e vapear sem remover o capacete, “porque se você remover o capacete e o escudo, ficará comprometido”, explicou o criador. Confira:

Ainda de acordo com o Consequence of Sound, os especialistas prevêem que os show ao vivo não devem voltar antes de 2021. No entanto, alguns produtores alemães criaram as “raves drive-in” e a Flórida sediará o primeiro  Drive-In Music Festival em tempos de coronavírus.

 


+++ VITOR KLEY | A TAL CANÇÃO PRA LUA | SESSION ROLLING STONE