Empresa se torna responsável pelo licenciamento mundial da obra de John Lennon

Yoko Ono assinou com a Epic Rights que quer "suprir esta grande demanda global de fãs antigos e novos que querem entrar em contato com John Lennon"

Redação Publicado em 21/06/2014, às 13h08

Galeria – Artistas presos por porte de drogas – John Lennon e Yoko Ono
AP

Yoko Ono assinou com a Epic Rights, tornando-a responsável pela marca “John Lennon”. A companhia comandada por Dell Furano, que fechou negócio com Yoko, irá desenvolver um projeto ao redor do mundo que engloba o licenciamento mundial da obra do ex-beatle, além de gerenciar a marca e os direitos.

Edição 91: Como os Beatles Conquistaram o Mundo.

“Nós estamos engajados em desenvolver um programa de licenciamento ao redor do mundo que respeita as crenças de Lennon e suas contribuições à humanidade”, disse Furano em um comunicado. “Vamos suprir esta grande demanda global de fãs antigos e novos que querem entrar em contato com John Lennon e seu legado.”

Galeria: dez coisas que você não sabia sobre a música dos Beatles.

Agora, a empresa estabelecerá marcas dentro do amplo legado deixado pelo artista. Uma delas, “clássica”, servirá para produtos relacionados diretamente ao músico, sua imagem e assinatura. A outra, Bag One Arts, é para seus desenhos e esboços raros, feitos entre 1964 e 1980, que estão arquivados. A Epic Rights apresentará os novos projetos relacionados à marca John Lennon para potenciais parceiros na Licensing Expo, em Las Vegas.