Estados norte-americanos votam a favor do uso recreacional da maconha

Colorado e Washington aprovaram leis que, no entanto, vão contra a política federal

Rolling Stone EUA Publicado em 07/11/2012, às 16h20 - Atualizado às 20h23

Maconha
AP

Iniciativas para legalizar o uso recreacional de maconha e regularizar a droga assim como o álcool foram facilmente aprovadas tanto no Colorado como em Washington na noite desta terça, 6. Este é um momento divisor de águas na política relacionada a drogas nos Estados Unidos – a primeira vez que os votantes do estado assumiram tão nitidamente serem contra a política do governo federal e do departamento policial estratégico para questões do tipo.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Será que o presidente Obama irá respeitar a vontade dos votantes e os direitos dos Estados? Ou vai continuar sua administração com uma guerra contra a maconha? O Colorado, pelo menos, está se preparando para uma luta. “A lei federal ainda diz que maconha é uma droga ilegal”, disse o governador John Hickenlooper. “Então não comemorem tão cedo.”

Mas defensores de uma reforma política neste quesito estão triunfantes com as conquistas. “Colorado vai mostrar ao mundo como um sistema de regulamentação da maconha funciona”, disse Rob Kampia, diretor do Marijuana Policy Project. “Vai servir como modelo para outros estados e, de fato, para o resto do mundo.”