"Este ano, alguma coisa definitivamente vai acontecer", diz baterista do Blur

Declarações de Dave Rowntree aumentam as especulações a respeito de um novo disco da banda em 2011

Da redação Publicado em 19/01/2011, às 15h24

Sai ou não sai? Declarações de Dave Rowntree, baterista do Blur, indicam que o Blur pode mesmo gravar um novo disco em 2011
AP

Crescem os rumores a respeito de um novo lançamento do Blur este ano. Depois que o tabloide The Sun divulgou que a banda reservou horários em um estúdio, agora é a vez de o baterista Dave Rowntree colocar ainda mais lenha na fogueira. De acordo com o que ele disse em entrevista ao site Gigwise, "alguma coisa" acontecerá em 2011.

Apesar de vago, o músico garantiu que ele e seus colegas de grupo andaram discutindo várias ideias nas últimas semanas. A dúvida é se devem fazer um álbum completo ou somente um single, como "Fool's Day", de 2010, gravado e lançado isoladamente. "O que sei é que não queremos nos comprometer com nada muito extenso, no momento. Estamos mergulhando os dedos na água e foi por isso que fizemos o single 'Fool's Day' da forma como fizemos."

Desde 2009, quando Graham Coxon voltou ao Blur para o grupo realizar uma série de shows, especula-se a respeito de um novo disco, que seria primeiro desde Think Tank (2003). Diante de tanta ansiedade por parte dos fãs de ver um trabalho de inéditas do Blur no mercado, o baterista concluiu: "Temos todos os nossos amigos de volta e isso é o principal. Essa é a única coisa que não queremos perder. Então, sim, diria que, este ano, alguma coisa definitivamente vai acontecer. Exatamente quando e o que eu não sei."