Pulse

Elsa não é a primeira personagem LGBTQ+ da Disney, diz atriz de Frozen 2: "E Mulan? Ou Hércules?"

Em entrevista recente, a atriz Evan Rachel Wood, assumidamente bissexual, falou sobre a presença queer no universo das animações

Redação Publicado em 22/11/2019, às 11h42

None
Frozen 2 (Foto: Reprodução)

Nos últimos tempos, boatos de que Elsa deveria arrumar uma namorada começaram a dominar as redes sociais. E, de fato, a equipe da Disney planejava mostrá-la com um par romântico em Frozen 2, mas decidiu que estava cedo demais para contar essa história.

+++ LEIA MAIS: Elsa deveria ter uma namorada? Elenco de Frozen opina

Recentemente, durante uma entrevista para a Variety, a atriz Evan Rachel Wood, assumidamente bissexual, foi questionada sobre a presença de uma personagem LGBTQ+ nas futuras animações da Disney. 

Voz da rainha Idina, mãe de Anna e Elsa, ela riu com a pergunta, respondendo: "Eu ainda não me convenci de que eles ainda não existem, com Mulan e Hércules."

E continuou: "Honestamente, Mulan ainda é uma incógnita. Eu acredito que tenha uma energia bissexual rolando por ali."

Enquanto isso, a co-diretora de Frozen 2, Jennifer Lee, disse que uma rainha lésbica não está fora de questão: "Quero dizer, não há limites para os personagens que podemos ter."

+++ LEIA MAIS: 5 detalhes que você pode não ter percebido no novo trailer de Frozen 2

Ao lado de Anna, Kristoff, Olaf e Sven, a emporada rainha Elsa embarca numa expedição perigosa em busca de respostas - tanto do passado quanto do futuro. Durante a jornada, eles tentam salvar o reino de Arendelle de perigos desconhecidos, enquanto amadurecem e descobrem mais sobre si mesmos.

Chris Buck e Jennifer Lee dirigem a produção, que chega aos cinemas brasileiros em janeiro de 2020.