Estúdio se prepara para ter prejuízo com filme de samurai estrelado por Keanu Reeves

47 Ronins pode ser o maior fiasco financeiro da Universal Pictures em 2013

Redação Publicado em 29/12/2013, às 11h04 - Atualizado às 11h08

Keanu Reeves - 47 Ronins
Reprodução / Vídeo

Samurais, monstros, bruxas e um astro de Hollywood. Nem mesmo esta fórmula parece ser capaz de evitar que 47 Ronins, épico estrelado por Keanu Reeves, se torne o maior prejuízo do estúdio Universal em 2013, de acordo com a revista norte-americana Variety.

Keanu Reeves aparece vestido de samurai em set de 47 Ronin.

O filme, dirigido por Carl Rinsch, vem decepcionando tanto no Japão, onde a estreia ocorreu em 6 de dezembro, quanto nos Estados Unidos, onde chegou aos cinemas no Natal, dia 25.

Até o momento, o longa conseguiu apenas US$ 7 milhões nos EUA e US$ 13 milhões nos outros mercados. O valor é irrisório perto dos US$ 150 milhões gastos para filmá-lo.

Ainda assim, 47 Ronins conseguiu se tornar o longa mais assistido em alguns países da Ásia, como Malásia, Singapura, Tailândia e Taiwan.

Keanu Reeves fará estreia como diretor em filme de artes marciais.

O estúdio divulgou um comunicado no qual ele reconhece o prejuízo. A Universal, contudo, ainda não conseguiu determinar o tamanho das perdas.

No mercado de estúdios, contudo, a Universal não se saiu tão mal como um todo, este ano. Graças a blockbusters que funcionaram bem financeiramente, principalmente Velozes e Furiosos 6 e Meu Malvado Favorito 2, o estúdio faturou US$ 1,4 bilhões, ficando atrás apenas da Warner Bros. e da Disney.

47 Ronins estreia no Brasil em 31 de janeiro. Assista ao trailer: