Ex-guitarrista do Smiths, Johnny Marr prepara autobiografia para 2016

“Chegou a hora de eu contar minha a história”, diz ele em comunicado

Rolling Stone EUA Publicado em 23/03/2015, às 16h29 - Atualizado às 18h57

Galeria - discos aguardados - Johnny Marr
Owen Sweeney/AP

O guitarrista original do Smiths, Johnny Marr, diz que chegou a hora dele contar a própria história em uma nova autobiografia com lançamento agendado para o segundo semestre de 2016, de acordo com o The Book Seller. O livro – ainda sem título – sairá em versões de capa dura e e-book.

Veja uma seleção das mais polêmicas, absurdas e ultrajantes autobiografias do rock.

A editora responsável pelo lançamento, a Century, obteve os direitos para o livro em um “leilão disputado de maneira acirrada”, e o diretor da publicação, Ben Dunn, acredita que a batalha valeu a pena.

“É o livro pelo qual os fãs do Smiths têm esperado por toda a vida e o material que Johnny já escreveu é absolutamente deslumbrante”, disse ele em comunicado. “Estou encantado pelo fato de que Johnny escolheu a Century para ser a editora dele.”

Noel Gallagher revela música em parceria com Johnny Marr; conheça “Ballad Of The Mighty I”.

Além de ser o responsável pelas indefectíveis guitarras do Smiths, Marr colaborou com diversas bandas, incluindo Modest Mouse, The Cribs, The Pretenders e Electronic – sendo a última delas fundada por ele com o líder do New Order, Bernard Sumner.

Nos últimos anos, Marr lançou-se em carreira solo, tendo gravado dois discos no formato: The Messenger, de 2013, e Playland, do ano seguinte.

Johnny Marr fez show memorável no Lollapalooza Brasil 2014; lembre como foi.

Johnny Marr tem dado pistas de que faria uma autobiografia desde 2011. No último mês de agosto, ele afirmou que tinha passado 18 meses fazendo pesquisas para o livro, coletando histórias e informações – mas que ainda demoraria outros 18 meses até que estivesse pronto para escrevê-lo.

Em 2014, Marr se apresentou no Lollapalooza Brasil, ocasião em que contou com a participação do ex-baixista do Smiths, Andy Rourke, para apresentar uma versão emocionante do hit da antiga banda deles, “How Soon Is Now” – lembre como foi.