Pulse

Exclusivo: Dani Nega evoca o significado de ser mulher no clipe de “Papo Reto”

Parceria com Craca integra o disco Craca, Dani Nega e o Dispositivo Tralha

Redação Publicado em 28/07/2017, às 13h15 - Atualizado às 16h51

Dani Nega no clipe de "Papo Reto"

Ver Galeria
(3 imagens)

Dani Nega exala confiança ao declamar: “Gozar na vida me torna uma preta muito perigosa.” A frase integra as rimas iniciais de “Papo Reto”, colaboração da cantora com Craca. Nesta sexta, 28, a dupla lança o videoclipe da música com exclusividade na Rolling Stone Brasil.

A letra, feita por Dani em parceria com Lucélia Sérgio e Klarah Lobato, questiona o significado de “ser mulher”, ao mesmo tempo em que clama a união de todas elas. “Ela reforça o fato de que fomos separadas no pós-parto, mas que hoje estamos cada vez mais unidas e fortalecidas”, diz a MC.

O vídeo exibe retratos da noite de São Paulo em diferentes locais do centro da cidade, como a escadaria do Theatro Municipal, o Vale do Anhangabaú e a organização comunitária Aparelha Luzia.

Enquanto Dani se transforma em diferentes mulheres, cantando “sou Leila Diniz, Marilyn Monroe, Edith Piaf. Eu sou Raquel de Queiroz, Maria Bethânia, Evita Perón”, diversos convidados aparecem no registro visual. Alguns dos nomes escalados foram a atriz Roberta Estrela D’Alva, a apresentadora Adriana Couto, a rapper Preta Rara, o cantor Rico Dalasam e a modelo Aisha Mbikila.

“Papo Reto” integra o disco Craca, Dani Nega e o Dispositivo Tralha (2016), que levou o título de Melhor Álbum de Música Eletrônica no Prêmio da Música Brasileira de 2017. O clipe foi dirigido por Day Rodrigues, com foto e montagem de Lucas Ogasawara, dupla que assina o documentário Mulheres Negras: Projetos de Mundo (2016).

Assista abaixo ao clipe de "Papo Reto".