Exclusivo: empresário nega que Lil Wayne esteja em coma e diz que rapper passa bem

Mack Maine, amigo e dono da gravadora Cash Money, pede para que os fãs não acreditem em “coisas sem sentido”

MONICA HERRERA Publicado em 16/03/2013, às 10h17 - Atualizado às 11h01

Lil Wayne
AP

Lil Wayne está “vivo e bem”, diz o amigo, rapper e presidente da Cash Money Mack Maine, negando veementemente as notícias de que o também rapper estaria em coma. O empresário de Wayne também deu uma breve declaração à Rolling Stone EUA: "Wayne está bem agora. Ele está se recuperando e agradece pela preocupação de todos.”

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

O rumor se espalhou pelo Twitter na sexta, 15, depois que o TMZ reportou que o rapper de 30 anos estaria em uma condição crítica no hospital Cedars-Sinai, em Los Angeles, onde ele deu entrada depois de sofrer com múltiplas convulsões. O site também havia afirmado que Wayne estava recebendo os últimos cuidados, mas esta informação foi tirada da história.

“Nós iremos divulgar uma declaração oficial em breve, mas não acreditem em coisas sem sentido como coma e respiração através de tubos... Isso é falso!!”, escreveu Maine, que afirmou estar assistindo um jogo de basebol com o rapper e que os fãs receberiam mais informações em breve. Logo depois, Wayne tuitou: “Eu estou bem, pessoal. Obrigado por todo amor e orações”.

Fontes próximas a Wayne dizem à Rolling Stone EUA que embora realmente tenha sido uma convulsão que levou o rapper ao hospital, a expectativa é que ele se recupere.

Esta não é a primeira vez que convulsões de Wayne se tornaram públicas. Em outubro, ele teve um ataque dentro de um jato privado, que foi forçado a fazer um pouso de emergência no Texas, para que o rapper pudesse ser levado ao hospital local. Seus problemas de saúde parecem estar ressurgindo no momento em que Wayne está prestes a lançar seu próximo álbum, I Am Not a Human II, previsto para o dia 26 de março.

Com reportagem adicional de Sowmya Krishnamurthy