Exclusivo - Gal Costa sobre morte de Luiz Melodia: "Meu coração está muito triste"

"Tive a honra de ser a primeira a cantar uma de suas composições. Pérola negra, te amo, te amo”, se emocionou a artista

Redação Publicado em 04/08/2017, às 12h52 - Atualizado às 13h01

Luiz Melodia
Daryan Dornelles/Divulgação

“Morreu um cara que amava muito", lamentou Gal Costa a respeito de Luiz Melodia, que perdeu a batalha contra um câncer na medula óssea na madrugada desta sexta, 4. "Além de ser um grande compositor e cantor, era uma pessoa muito especial. Meu coração está muito triste. Sentirei muita saudade!"

A cantora também lembrou o início da carreira de Melodia, no qual ela teve um papel essencial. "Tive a honra de ser a primeira cantora a cantar uma de suas composições. Pérola negra, te amo, te amo!” A faixa "Pérola Negra", um dos maiores sucessos de Melodia, foi gravada por Gal Costa no disco de 1972 Gal a Todo Vapor.

Luiz Melodia chegou a fazer um transplante de medula óssea e resistiu ao procedimento, no entanto, não estava respondendo bem ao tratamento de quimioterapia. Na última quinta, 3, o câncer retornou e o estado de saúde dele se agravou. Luiz Melodia estava internado no hospital Quinta D’Or, no Rio de Janeiro, cidade natal dele.

Luiz Carlos dos Santos nasceu em 7 de janeiro de 1951, no morro do Estácio, na capital fluminense. O início da carreira musical dele se voltou mais para a sonoridade da bossa nova e da jovem guarda, até que Melodia compôs "Pérola Negra".

No ano seguinte, veio o disco de estreia, intitulado também Pérola Negra. A partir de então, o artista construiu uma carreira de sucessos e se estabeleceu como um dos grandes nome do MPB.