Exposição em São Paulo vai debater influência da Tropicália nos dias atuais

Tropicália Hoje terá capas de vinis da época e grafites sobre a herança do movimento

Redação Publicado em 25/08/2013, às 10h17

Tropicalia ou Panis et Circencis
Reprodução

Um dos principais movimentos culturais da história do Brasil, a Tropicália será tema de uma exposição em São Paulo. Organizada pela curadora Ana Di Romão com apoio do Coletivo Nosotros África, a mostra Tropicália Hoje vai discutir o olhar contemporâneo em cima daquilo que aconteceu no final dos anos 60.

Galeria: obras-primas da Tropicália.

Capas icônicas de discos da época vão estar à disposição para os visitantes. Já o grafiteiro baiano Flops vai expor trabalhos que tentam apontar a influência das ideias de Caetano Veloso e Gilberto Gil nos dias de hoje – na música, na cultura e na sociedade em geral. Outro grafiteiro, Consp, vai elaborar peças ao vivo, na prática conhecida como live painting.

O evento também terá música sob responsabilidade de DJs, entre eles Pedro Dubstrong, MF e Stereo Royale, que devem tocar não só canções da época como explorar outros repertórios. A doceria La Folie, por sua vez, promete comercializar docinhos inspirados pela Tropicália.

Os 100 maiores discos da música brasileira: 2º - Tropicália ou Panis et Circencis.

Tropicália Hoje em São Paulo

Sexta, dia 13 de setembro, das 13h às 19h, e sábado, 14, das 14h à meia noite

Local: Bar Açaí – rua Augusta, 1267 – Consolação

Entrada franca