Família de Avicii lança fundação para ajudar a prevenir suicídios

Marcando um ano desde a morte do DJ, instituto procura ajudar pessoas com problemas psicológicos

Redação Publicado em 26/03/2019, às 17h39

None
Avicii (Foto: Amy Sussman/AP)

Há cerca de um ano, Avicii foi encontrado morto durante sua viagem de férias em Omã, nas Penínsulas Arábicas. Aos 28 anos, o DJ se suicidou após perder uma luta contra depressão.

Para honrar sua memória e ajudar outros a superarem a dor que aflingiu o músico, a família de Avicii criou a Fundação Tim Berling (nome de nascença do artista) para ajudar o meio ambiente e pessoas com dificuldades psicológicas.

++ LEIA MAIS: Algoritmo da Vida: com ajuda dos diários de Kurt Cobain, projeto busca sintomas de depressão nas redes sociais para a prevenção do suicídio

“A missão inicial da Fundação é focar em dar apoio às pessoas e instituições que trabalham no campo de saúde mental e de prevenção ao suicídio”, disse a nota lançada à imprensa. Além disso, a instituição também trabalhara com “mudanças climáticas, conservação da natureza e espécies em risco de extinção.”

“O Tim queria fazer uma diferença no mundo. Inaugurar uma fundação em seu nome é o jeito que encontramos de honrar sua memória e continuar atuando com seu espírito”, declarou a família do DJ.