Feist estreia novo disco e banda em apresentação intimista

Cantora tocou Metals em show só para convidados, em Los Angeles

Steve Baltin Publicado em 02/09/2011, às 18h15 - Atualizado às 18h19

Feist
Divulgação

Feist retorna no dia 4 de outubro com Metals, seu primeiro álbum desde The Reminder, de 2007. E na última quinta, 1, no famoso Village Studios, de frente para uma platéia de cerca de 100 convidados, ela deu um grande passo em trazer o disco à vida, com a primeira apresentação ao vivo do trabalho e de sua nova banda, com cinco integrantes.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

“Esta é a primeira vez que esta banda ouviu aplausos”, disse ela após a abertura com “A Commotion”, uma canção cujo quietude é pontuada por gritos primais semelhantes ao do disco Plastic Ono Band, de John Lennon, com instrumentação agressiva e parecida.

Talvez intimidada pela alta proximidada aos fãs que estavam sentados em sofás e poltronas ao redor do salão, Feist implorou à audiência para fazer mais barulho. “Vocês precisam fazer melhor que isso”, disse ela ao público durante o primeiro aplauso. “Façam barulho como se vocês fossem 800 pessoas.”

Feist disse que quando compôs este novo disco ela “realmente queria aparecer de novo” - e ela conseguiu. Novas músicas como “Graveyard” e “The Bad in Each Other” foram absolutamente chamativas. Mas durante o setlist de uma hora, ela entregou material mais tranqüilo, como a fabulosa canção de estilo country “How Come You Never Go There” com um poder que comandou a atenção do quarto. A performance será divulgada na rede de internet do Starbucks no dia 19 de setembro, e então no Yahoo, no dia 4 de outubro.