Festival Fyre vai leiloar itens do evento

O valor arrecadado será usado para cobrir as despesas judiciais e os danos pelos quais o evento foi processado

Redação Publicado em 18/03/2019, às 16h26

None
Ja Rule ao lado de Billy McFarland, organizador do Fyre (Foto: Reprodução)

Os responsáveis pelo controverso festival Fyre anunciaram um leilão no qual vão colocar à venda itens e produtos oficiais do evento. O dinheiro arrecadado será usado para cobrir as despesas judiciais que a fraude acarretou.

A quantia também será direcionada para pagar o prejuízo a todos os que compraram ingresso e compareceram ao fiasco. De acordo com relatórios, os organizadores precisam pagar US$ 26 milhões.

Serão disponibilizados itens como camisetas oficiais, calças de moletom, pulseiras, bonés e pingentes. Agora resta a dúvida se e venda desses produtos será o suficiente para cobrir a dívida.

O rapper Ja Rule, envolvido na organização do festival, falou recentemente que ainda não assistiu aos documentários da Netflix e da Hulu sobre o evento, e nem pretende.

Além disso, ele ainda vai lançar um novo aplicativo chamado Iconic, que segue o mesmo princípio de agendar artistas do próprio Fyre, e pretende, surpreendentemente, fazer um festival para celebrar e promover o lançamento do app. 

Após a confusão do Fyre, o músico foi processado em US$ 100 milhões.

Algoritmo da Vida: novo projeto da Rolling Stone Brasil busca sintomas de depressão mas redes sociais para prevenção do suicídio: