Filme com sátira ao nazismo, Jojo Rabbit vence principal prêmio do Festival de Toronto

No Brasil, o longa roteirizado, dirigido e estrelado por Taika Waititi será lançado em janeiro de 2020

Redação Publicado em 16/09/2019, às 13h36

None
Jojo Rabbit (Foto: Reprodução)

No último domingo, 15, Jojo Rabbit venceu o Toronto People's Choice Award, principal prêmio do Festival Internacional de Cinema de Toronto.

Assim, o filme roteirizado, dirigido e estrelado pelo neozelandês Taika Waititi (Thor: Ragnarok) conquistou uma boa posição na disputa do Oscar. 

Baseada no livro de Christine Leunens, Caging Skies, a narrativa gira em torno de Jojo (Roman Griffin Davis), um alemão solitário de 10 anos com um melhor amigo imaginário: o próprio Hitler. No decorrer da história, Jojo descobre que a mãe (Scarlett Johansson) esconde uma jovem judia (Thomasin McKenzie), de quem se aproxima.

Jojo Rabbit desbancou Marriage Story, também protagonizado por Johansson, e Parasite, do diretor sul-coreano Bong Joon-ho, ganhador da Palma de Ouro no Festival de Cannes.

Inteiramente votados pelo público do festival, os últimos sete vencedores em Toronto foram indicados na categoria Melhor Filme nos prêmios da Academia, e dois deles ganharam o Oscar, incluindo Green Book, o surpreendente vencedor de 2018. 

Outros exemplos de filmes ganhadores do Oscar que iniciaram sua trajetória de sucesso vencendo o Festival de Toronto foram 12 Anos de Escravidão (2013), O Discurso do Rei(2010) e Quem Quer Ser Um Milionário (2008). 

O Festival Internacional de Cinema de Toronto é o maior da América do Norte. Este ano, apresentou mais de 300 filmes de 84 países, incluindo 133 estreias mundiais.

No Brasil, Jojo Rabbit será lançado em 30 de janeiro de 2020. Assista ao trailer abaixo: