Final de Drácula é criticado e comparado a Game of Thrones; entenda

A minissérie de três partes da BBC estreou e foi encerrada em janeiro de 2020

Redação Publicado em 09/01/2020, às 17h46

None
Claes Bang como Dracula (foto: reprodução BBC)

Depois do final controverso de Game of Thrones em maio de 2019, outra produção também teve um término polêmico: Drácula. A minissérie de três partes da BBC estreou e foi encerrada em janeiro de 2020.

A produção prometeu reconstruir o enredo do romance de Bram Stoker, com as origens do conde vampiro no oriente europeu, até as batalhas novas com descendentes de Abraham Van Helsing, o antropólogo e especialista em doenças que combate Drácula no livro.

+++ LEIA MAIS: Emilia Clarke ainda se diz chateada e não entende as reações ao final de Game of Thrones

Apesar disso, o público e a crítica não gostaram da versão da BBC. A produção ousou ao trazer o personagem para o ano de 2020 na trama. No entanto, o mundo moderno não foi bem aproveitado na narrativa e a história ficou um pouco perdida.

Ainda, o roteiro apresentou falhas de sequência, além de alguns personagens não serem desenvolvidos ou não terem tempo para serem adorados pelo público.

+++LEIA MAIS: Astro de Game of Thrones revela que série gravou um final alternativo; entenda

Os mistérios introduzidos em Drácula também não trazem respostas satisfatórias. O final da adaptação foi considerado decepcionante, assim como Game of Thrones.

A minissérie está disponível no catálogo da Netflix.


+++ CORUJA BC1: 'FAÇO MÚSICA PARA SER ATEMPORAL E MATAR A MINHA PRÓPRIA MORTE'