Fiona Apple fala a respeito de sua reação a fã que a incomodou durante show

“Se alguém entra no meu caminho, eu vou tirar essa pessoa da frente”, diz a cantora

Rolling Stone EUA Publicado em 09/10/2013, às 13h58 - Atualizado às 14h08

Fiona Apple
AP

Fiona Apple conversou com o site Pitchfork a respeito de um incidente recente, em Portland, em que ela expulsou do show uma pessoa da plateia. “Se alguém entra no meu caminho, eu vou tirar essa pessoa da frente." Faltavam apenas duas músicas para o fim da performance quando alguém gritou para Apple: “Fique saudável – a gente vai querer te ver daqui 10 anos”. Ela respondeu: “Estou saudável. Quem é que você pensa que é?”

"Ela me magoou”, disse Apple. “Eu não acho que minha aparência seja relevante. E essa coisa toda de ‘não saudável’ me chocou. Fico confusa tentando entender a razão de alguém dar uma opinião a respeito disso. E [ficar gritando] te tira [da performance]. As pessoas à minha volta tentam me dizer que isso não vai acontecer, mas sempre acontece. É decepcionante. Não consigo rir – sou uma pessoa emocional.”

Embora Apple tenha admitido que ainda estava um pouco abalada por causa da crise, ela contou que estava se preparando psicologicamente para casos semelhantes, no futuro, mas complementou que não hesitaria em expulsar alguém novamente. Apple também falou a respeito da natureza dos comentários, que vieram depois de piadas cruéis a respeito do peso e da aparência dela ao longo de sua carreira.

"Neste momento, em termos emocionais, não facilita ouvir esse tipo de crítica – mas é mais fácil determinar qual será minha reação. Será: ‘vá em frente, diga que sou feia, que sou magra, que sou louca, especulem o quanto quiserem, mas não durante um show’. Eu não acho que haja qualquer coisa de ‘surto’ nisso. Não tenho problema nenhum em ficar brava com alguém que me insultou no meio de um show.”

Vendo o incidente como mais um momento para crescer e aprender, Apple negou que esta tenha sido mais uma crise ou fiasco – mais palavras que têm sido usadas durante sua carreira.

"Como uma pessoa que sobe ao palco para se apresentar, é bom ser alguém emocionalmente aberto. Se você mexe com alguém que está nesse estado, é como mexer com um animal que está comendo. O que esperam que eu faça? O que eu deveria fazer? Eu deveria parar no meio da apresentação e ter uma conversa com você a respeito da minha aparência? Fiquei me sentindo mal de tê-la xingado e eu sempre peço desculpa por coisas que fazem com que eu me sinta mal, o que geralmente costuma ser eu xingando alguém quando reajo. Mas fora isso, não sinto culpa por mais nada.