Flea fala sobre disco do Atoms for Peace

“No final na turnê fomos para um estúdio e ficamos lá por três dias, só improvisando”, revelou o baixista sobre a banda que integra ao lado de Thom Yorke e do brasileiro Mauro Refosco

Andy Greene Publicado em 04/10/2011, às 14h50 - Atualizado às 15h53

Flea
AP

Em 2010, a banda paralela de Thom Yorke, Atoms for Peace, fez uma pequena turnê nos Estados Unidos, antes de tocar no Coachella. O baixista Flea, que também faz parte do grupo, contou que na mesma época eles começaram a trabalhar em um disco. “No final da turnê fomos para um estúdio e ficamos lá por três dias, só improvisando”, disse Flea. “Eu ouvi alguns trechos. Não tenho ideia de quando vai sair. Mas acho que não deve ser logo.”

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Flea diz que muitas pessoas têm a impressão errada de Thom Yorke. “As pessoas sempre pensam e falam como se ele fosse esse artista cerebral. Especialmente quando estamos tocando juntos: ‘Thom é tão cerebral, e o Flea é simplesmente um animal’. Mas o Thom é tipo de músico que simplesmente não pensa”, afirmou. “Ele vai totalmente pelo sentimento e pela intuição.” Flea também exaltou o relacionamento de Yorke com o produtor Nigel Godrich, que trabalha com o Radiohead e com o Atoms. “Eles irão fazer algo incrível”, disse sobre o material registrado em estúdio. “Confio neles completamente.”

Infelizmente, Flea se recusa a descrever o som que saiu das gravações. “Eu meio que acho que não é meu papel falar sobre aquilo. O mistério deve ser mistério”, afirmou Flea. Mas o público provavelmente vai poder ver e ouvir tudo em novos shows. “Eu espero [que uma turnê] aconteça. Eu tenho um lugar especial no meu coração, na minha mente e nas minhas bolas por todo o conceito [da banda].”

O Atoms for Peace conta com um integrante brasileiro: o percussionista Mauro Refosco, que atualmente também toca nos shows do Red Hot Chili Peppers. Clique aqui para ler uma entrevista com o músico, que fala sobre a atuação nas duas bandas e sobre o projeto Forro in the Dark.