Foo Fighters faz versão de “This is a Call” com dez minutos de duração e participação de Trombone Shorty

Faixa abriu o primeiro disco da banda, lançado em 1995, gravado inteiramente por Dave Grohl

Redação Publicado em 05/11/2014, às 12h25 - Atualizado às 14h23

Dave Grohl se apresenta com o Foo Fighters no festival Voodoo Fest, em novembro de 2014, em Nova Orleans

Ver Galeria
(17 imagens)

Dave Grohl e o Foo Fighters deram aos fãs que compareceram ao festival Voodoo Fest, em Nova Orleans, nos Estados Unidos, no último domingo, 2, uma razão para comemorar. A banda apresentou uma versão estendida de “This is a Call”, com participação do trompetista Trombone Shorty.

Galeria: os dez shows mais aguardados de 2015.

A faixa está em vias de completar 20 anos, juntamente com o álbum de estreia do Foo Fighters, que leva o nome do grupo e chegou às prateleiras em julho de 1995. O disco foi todo gravado por Dave Grohl e marcou o retorno dele ao mundo da música, após um período de oito meses de luto pela morte do amigo e colega de Nirvana Kurt Cobain.

Veja as nove capas de Sonic Highways.

Shorty tem um momento de solo na versão apresentada no festival norte-americano, quando Grohl deixa o centro do palco e cede o microfone principal ao músico local, que já trabalhou com U2, Green Day e tem uma respeitável carreira solo.

Assista ao vídeo gravado por um fã abaixo:

Novo disco

O Foo Fighters divulgou recentemente “Congregation”, a mais nova faixa inédita de Sonic Highways, o oitavo álbum do grupo, uma música áspera e cheia de lamúrias de guitarra criada por Nashville. A banda gravou a canção no estúdio do artista country Zac Brown, chamado Southern Ground Studios – ele também participa da gravação.

Galeria: veja oito bateristas que se cansaram de ficar escondidos no palco e se tornaram guitarristas.

Ouça “Congregation”:

Gravado em oito estúdios lendários, cada um em uma cidade diferente dos Estados Unidos, Sonic Highways tem produção de Butch Vig e será lançado juntamente à série homônima, que trará o todo o processo de gravação do disco, contando também a história dos estúdios por onde o grupo passou.

Nirvana: os bastidores e detalhes da reunião.

Recentemente, Dave Grohl comentou a sonoridade do álbum: “Você vai reconhecer o Foo Fighters nesse disco, mas ainda assim se surpreenderá conosco. Estamos fazendo coisas que nunca fizemos antes”. Ele ainda acrescentou: “Ainda queria dizer que são apenas oito canções, mas acho que será nosso álbum mais longo porque, enquanto eu escrevia essas músicas, eu tive que ter uma aproximação ao cinema. Como se eu não pudesse escrever um jingle de três minutos e meio para a [rádio] KROQ e depois filmá-lo para encerrar um episódio sobre a história da música de Nova Orleans, sabe?”.

Acompanhante de luxo: as mais emblemáticas parcerias de Dave Grohl.

Sobre a série na HBO, ele afirmou: “A gente foi lá, começou a gravar, e eu sai pela cidade filmando e entrevistando o máximo de pessoas que pude. Fiz mais de 100 entrevistas. Ao fim da semana, peguei todas as minhas anotações, coloquei-as no chão, sentei com uma caneta e meu diário e reduzi todas essas histórias s uma música. Eu retirei elementos das experiências, anedotas e o ambiente das pessoas – é como uma reportagem. É ‘bungee jumping’ musical”.

Até o momento, três músicas do novo disco já foram reveladas por completo. Além da já citada “Congregation”, “The Feast and The Famine” aposta em guitarras raivosas, como se transbordasse a energia roqueira de Washington DC, local em que foi gravada.

Ouça “The Feast and The Famine”:

Já “Something From Nothing”, a primeira, traz uma mensagem positiva e apresenta as já conhecidas inversões de tempo da canção usada pelo Foo Fighters, com refrães explosivos rodeados de versos banhados em águas calmas. Assista ao clipe.

Tracklist de Sonic Highways:

1. "Something From Nothing"

2. "The Feast and the Famine"

3. "Congregation"

4. "What Did I Do?/God As My Witness"

5. "Outside"

6. "In the Clear"

7. "Subterranean"

8. "I Am a River"

A série de TV Sonic Highways será exibida no Brasil pelo canal BIS, a partir do dia 30 de novembro, sempre às 20h30, e nos domingos seguintes a partir desta data. O disco será lançado no dia 10 de novembro.

Shows no Brasil com abertura do Kaiser Chiefs

O Foo Fighters anunciou que estará de volta ao Brasil para shows em quatro cidades brasileiras no próximo mês de janeiro, com abertura do Kaiser Chiefs. A banda inglesa – que divulga o disco Education, Education, Education & War – volta ao Brasil após se apresentar no festival Lollapalooza 2013, na cidade de São Paulo.

Lembre como foi o terceiro dia do Lollapalooza 2013, com show do Kaiser Chiefs.

Em março deste ano, o Kaiser Chiefs lançou o quinto disco da carreira, Education, Education, Education & War, com 10 faixas. O álbum – gravado nos estúdios Maze, em Atlanta – teve produção de Ben H. Allen III (Gnarls Barkley, Animal Collective e Deerhunter). Education, Education, Education & War sucede The Future Is Medieval (2011), sendo o primeiro sem o baterista e compositor Nick Hodgson, que deixou a banda no ano passado, dando lugar a Vijay Mistry.

Publicação by Kaiser Chiefs.

Foo Fighters no Brasil

Porto Alegre

Dia 21 de janeiro, quarta-feira, às 21h

Estacionamento da FIERGS - Av. Assis Brasil, 8787 – Sarandi

Preços: R$ 110 a R$ 450

Ingressos: Em pontos de venda ( lista aqui) e online (aqui).

São Paulo

Dia 23 de janeiro, sexta-feira, às 21h

Estádio do Morumbi - Praça Roberto Gomes Pedrosa, s/n

Preços: R$ 100 a R$ 640

Ingressos: Em pontos de venda ( lista aqui) e online (aqui).

Rio de Janeiro

Dia 25 de janeiro, domingo, às 20h

Estádio do Maracanã - Rua Professor Eurico Rabelo, Maracanã

Preços: R$ 100 a R$ 600

Ingressos: Em pontos de venda ( lista aqui) e online (aqui).

Belo Horizonte

Dia 28 de janeiro, quarta-feira, às 21h

Mega Space - Avenida das Indústrias, 3000 - Dist. Industrial II - Santa Luzia

Preços: R$ 150 a R$ 600

Ingressos: Em pontos de venda ( lista aqui) e online (aqui).