Frank Ocean diz que Channel Orange pode ser seu último disco

Rapper acredita que contar histórias é a parte mais interessante de fazer música e pode se dedicar a escrever um livro

Redação Publicado em 17/12/2012, às 11h08 - Atualizado às 21h59

Frank Ocean
AP

Criador de Channel Orange, um dos mais elogiados discos de 2012, Frank Ocean pode dar adeus ao mercado musical. Em entrevista ao The Guardian, ele disse que este pode ser seu último álbum.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

"Algumas pessoas estão mais focadas no som, outras, na história. Eu me dedico a ambos, som e história. Mas contar histórias é algo diferente. É, para mim, parte mais interessante em criar música, discos, ou coisas assim. Tão mais que eu posso não fazer outro disco, talvez eu escreva um livro. Eu não sei!", disse o rapper.

Ele, contudo, garante que isso não é uma aposentadoria: “Eu estava fazendo música ontem. Mas acho que seria fabuloso se eu simplesmente tivesse feito o Channel Orange em um ano, lançado um livro best-seller no seguinte e, então, quem sabe, projeto uma arena em Estocolmo em 2014!”

“Eu posso pegar um avião na semana que vem e morrer”, diz o músico, que se recusa a prever o futuro, ou fazer algum planejamento de longo prazo. “A ideia de reconhecer suas qualidades e usá-las de forma versátil me agrada. Eu não quero me ver preso em um sistema e pensar que eu só posso fazer uma coisa porque isso... Isso seria mentir para você mesmo.”

Frank Ocean, integrante do Odd Future Wolf Gang Kill Them All (ou OFWGKTA), lançou seu primeiro trabalho solo em 2011, a mixtape Nostalgia, Ultra. Channel Orange, seu debute oficial (depois da mixtape Nostalgia, Ultra), foi lançado em julho.