Frevo divide Recife com rock e pop

Folia pernambucana teve shows de Marina Lima, Pitty, Céu e Otto

Recife, BR Press Publicado em 09/03/2011, às 16h27

Em Recife, Marina Lima deu uma prévia de seu próximo disco de estúdio, Clímax

Ver Galeria
(2 imagens)

(Recife, BR Press) - O Carnaval pernambucano foi muito além do frevo em 2011. Dentro do Carnaval Multicultural Recife 2011, diversos artistas garantiram a diversidade musical. Entre eles, Otto, que passou no Pólo Várzea na madrugada da última segunda, 7, acompanhado pelo guitarrista Fernando Catatau, do Cidadão Instigado, e pelo baterista Curumin, em apresentação que contou com a participação especial de Lirinha, o cantor egresso do grupo Cordel do Fogo Encantado.

Marina Lima também fez show no local, na mesma data. Foi uma prévia do álbum Clímax, que deve sair até o começo de abril (entre as faixas do disco mostradas, estiveram "Doce de Nós", "Não me Venha Mais com Amor" e "Keep Walking"), entre sucessos como "Fullgás", "Virgem", "À Francesa", "Me Chama", "Uma Noite e Meia" e ainda o frevo (ele não poderia faltar) "Voltei, Recife", de Luiz Bandeira. Marina também foi convidada por Lenine para integrar o elenco de 12 cantoras do show Sob o Mesmo Céu, um dos pontos altos do Carnaval Multicultural, realizado na última sexta, 4.

No evento, a paulistana Céu e a baiana Pitty cantaram juntas "Bicho de Sete Cabeças" (parceria de Geraldo Azevedo, Zé Ramalho e Renato Rocha). O dueto foi inusitado e muito aplaudido. Antes do encontro, Pitty comprovou mais uma vez o poder de fogo de seu incendiário hit pop "Me Adora". Depois, Céu cantou "Cangote", de seu segundo disco, Vagarosa.