Relação de Tupac Shakur com a mãe será contada em série de TV: "Inspiradores e perigosos"

A plataforma também trabalha em futuros projetos sobre artistas de hip-hop combativos e luta por direitos LGBTQ

Jon Blistein, Rolling Stone EUA Publicado em 07/08/2019, às 11h32 - Atualizado às 11h33

None
Tupac Shakur (Foto:AP)

A FX anunciou uma nova leva de documentários seriados, incluindo um projeto de cinco episódios sobre Tupac e a mãe dele, Afeni Shakur, e outra que promete levar luz à uma quase extinta linhagem de artistas do combativos do hip-hop.

No total a plataforma anunciou cinco novas séries e e um longa-metragem, todos no formato de documentário. A emissora não confirmou quais serão as datas de estreia das produções. 

Em um comunicado enviado à imprensa, a FX informou que Outlaw: The Saga of Afeni and Tupac Shakur irá contar a história “da mais inspiradora e perigosa dupla de mãe e filho na história norte-americana, os quais a mensagem de liberdade, igualdade, perseguição e justiça são mais relevantes do que nunca”.

Afeni Shakur, que em vida trabalhou como ativista e serviu como integrante dos Panteras Negras, era uma fonte de inspiração constante para Tupac, principalmente no seu single de 1995 “Dear Mama.”

O cineasta Allen Hughes será o responsável por dirigir Outlaw. Seu trabalho anterior foi o documentário seriadoda HBO de 2017 sobre o Dr. Dre e Jimmy Iovine, chamado The Defiant Ones.

A FX também está preparando as séries Hip Hop Untold, série que promete ser um mergulho sobre a criminalização do gênero musical nos Estados Unidos e a fascinação em torno da cultura de rua, e Pride, uma história de seis partes sobre a luta LGBTQ+ por direitos civis.

+++LISTA: 13 segredos de 'Ladrão', o terceiro disco do Djonga e um dos melhores de 2019