Game of Thrones bate recorde de audiência com estreia da sexta temporada nos EUA

Exibido no último domingo, 24, aguardado episódio da série da HBO foi assistido por 10,7 milhões de norte-americanos

Redação Publicado em 26/04/2016, às 16h52 - Atualizado às 16h57

Imagem da sexta temporada de Game of Thrones
Reprodução

A estreia da sexta temporada de Game of Thrones, que aconteceu no último domingo, 24, levou à frente da TV, computador ou smartphone cerca de 10,7 milhões de pessoas nos Estados Unidos. De acordo com o Entertainment Weekly, este número estabelece um novo recorde para a série.

O expressivo resultado inclui os telespectadores da HBO, que assistiram pela TV e os que viram o episódio pelos serviços de streaming do canal – HBO Go e HBO Now –, além das pessoas que acompanharam a estreia nas duas reprises. Esta é uma nova maneira de medição da audiência e que não incluiu quem teve o sinal aberto do canal no fim de semana.

O número total, 10,7, representa um acréscimo de 9% em relação à estreia da quinta temporada, em 2015, que teve 9,8 milhões de espectadores. Além disso, o primeiro episódio do sexto ano (intitulado “The Red Woman”) superou o capítulo de maior audiência da história de Game of Thrones, o derradeiro da quinta temporada, que contou com 10,3 pessoas assistindo.

LEIA TAMBÉM

[Galeria] Game of Thrones: os dez melhores episódios da série

[Blog] Elenco de GoT joga “espada ou banda de heavy metal”

[Premiação] Emmy 2015: Game of Thrones foi a série mais premiada

O acréscimo do streaming representa muito para o crescimento da série. Isto porque se for analisada apenas a audiência na televisão durante o horário em que “The Red Woman” foi exibido, o número cai 1% em relação a 2015. Se forem analisadas as reprises, a diferença cresce negativamente para 4%. Segundo o Entertainment Weekly, a comparação só evidencia a importância do crescimento do streaming – uma vez que muitos assinantes da HBO migraram do canal na TV pela opção online.

No Reino Unido, Game of Thrones também bateu um recorde. “The Red Woman” foi o episódio mais assistido da história na série no local. Cerca de 2,2 milhões de britânicos ligaram no canal para assistir ao primeiro episódio da sexta temporada da série. O fato curioso é que, na Inglaterra, Game of Thrones é transmitida apenas 2h da manhã – o que torna o resultado ainda mais expressivo.

Como já era sabido, Game of Thrones é a série mais popular da história da HBO. Logo, a renovação para a sétima temporada, a ser exibida em 2017, seria natural. O canal norte-americano anunciou que a produção teria pelo menos mais um ano na última sexta-feira, 22.

O anúncio foi feito logo depois de se espalharem rumores de que Game of Thrones teria só mais 13 episódios e chegaria ao fim. David Benioff e D.B. Weiss, criadores da adaptação televisiva da trama medieval, disseram recentemente que duas temporadas, uma com seis e outra com sete episódios, seriam suficientes para encerrar a produção.

Recentemente, foi revelado que George R.R. Martin, autor de As Crônicas de Gelo e Fogo, a saga literária em que se baseia a série, teve que revelar detalhes de seu próximo livro aos produtores do programa, já que ele não conseguiu terminar o trabalho (The Winds of Winter) a tempo e a adaptação acabou ultrapassando a obra original.