Game of Thrones, Mad Men e mais: as 20 melhores aberturas de séries

O visual e a trilha sonora marcam a personalidade das produções, e as introduções são muito apreciadas quando bem feitas

Malu Rodrigues Publicado em 16/11/2019, às 14h00

None
Game of Thrones, Mad Men e Um Maluco no Pedaço (Foto 1: Reprodução/ Foto 2: Divulgação/ Foto 3: Divulgação)

Em setembro de 2019, Game of Thrones ganhou o prêmio de "Melhor Design de Abertura" no Creative Emmy Awards. E não é a toa que exista uma categoria só para enaltecer as introduções de séries de TV. O cuidado e tempo dedicados à elas são extensos.

Apesar de muitas pessoas “pularem” a abertura, ela é uma parte muito importante de uma produção. Curiosidades escondidas, histórias contadas de forma sutil e simbolismo são alguns dos diferentes elementos encontrados nas aberturas.

+++ LEIA MAIS: Supernatural, Arrow e mais: 7 séries se despedem do público até o final de 2019 [LISTA]

Além disso, não podemos esquecer dos visuais sublimes, e, é claro, do tema de cada introdução. As músicas escolhidas são viciantes e representam muito bem o enredo das séries.

Separamos as 20 melhores aberturas e temas de séries. Confira:


Game of Thrones

Game of Thrones se tornou uma das séries mais assistidas e premiadas da televisão, e o sucesso não é para pouco. O cuidado com os visuais da produção é de ser elogiado. Um dos pontos mais incríveis do programa é a abertura que conta a história da Guerra dos Tronos a partir do desenvolvimento da história. As peças crescem, as casas aparecem e o mundo da série medieval é criado.

E, claro, não podemos esquecer da música. Criada por Ramin Djawadi, a faixa arrepia logo na primeira nota. Os instrumentais misturados com os barulhos do ambiente são incríveis. Um das aberturas mais bem trabalhadas desta lista. Compare as versões da 1º e da 8ª temporada:

LEIA MAIS: House of the Dragon: tudo que sabemos até agora sobre a série da família Targaryen de Game of Thrones


Mindhunter

A série dirigida por David Fincher tem uma abertura ao mesmo tempo angustiante e equilibrada. Os cortes de cena entre a preparação de um deck de rolo e um assassinato são posicionados de forma sublime. A trilha sonora de fundo completa a abertura e já deixa à mostra toda a personalidade da produção.

LEIA MAIS: Mindhunter, Inacreditável e The Sinner: 7 séries mais incômodas que a Netflix já fez [LISTA]


Bojack Horseman

O mais incrível da abertura de Bojack Horseman é como ela representa o estado de espírito do protagonista no decorrer da série. Cada vez mais o cavalo depressivo se sente distante das pessoas ao seu redor, e por isso ele olha diretamente para o público durante toda a abertura enquanto a vida continua atrás. A trilha sonora psicodélica consegue nos inserir na realidade de Bojack.

Além disso, de forma inteligente, a 6ª e última temporada da série consegue recolher todos os episódios mais marcantes da vida do cavalo e mostrar como Bojack chegou onde está.

 

LEIA MAIS: BoJack Horseman, Big Mouth e mais: 6 séries de animação adulta na Netflix [LISTA]


Mad Men

Um publicitário arrogante e viciado no trabalho. Uma abertura que mostra o protagonista preso no meio de anúncios, caindo de um abismo e vendo o mundo ao redor desabar. Uma abertura simples, mas muito simbólica acompanhada da música “A Beautiful Mine”, de RJD2.

LEIA MAIS: Jon Hamm, de Mad Men, pode ser o novo Superman do cinema, indica site


Os Simpsons

A abertura de Os Simpsons é uma daquelas que nunca pulamos. Toda vez descobrimos um elemento escondido, e isso a torna muito inteligente e divertida. Além disso, a abertura já mostra como será a série: bagunçada, engraçada e surrealista.

LEIA MAIS: Os Simpsons se fantasiam como Homem de Ferro e Yoda para entrar no streaming da Disney+


Dexter

Mais uma série sobre serial killers e mais uma abertura angustiante. As cenas com imagens do cotidiano se tornam animalescas e sombrias. A introdução do protagonista logo na abertura é essencial para entendermos a dualidade dele. Ainda, quem curte ASMR vai gostar dos sons da abertura.

LEIA MAIS: Qual é o significado de Helter Skelter, música dos Beatles que inspirou assassinatos de Charles Manson?


How I Met Your Mother

O sitcom tem uma das aberturas mais aconchegantes desta lista. O grupo de amigos nova-iorquinos - não estamos falando de Friends - se reúnem em um bar para tirar fotos, e todas essas imagens compõem a abertura da série. Não resistimos e cantamos o "PaPaPaPa" da música “Hey Beautiful” toda vez. Realmente uma abertura lendária - e não precisamos nem esperar para ter certeza.

LEIA MAIS: 11 artistas que estiveram em How I Met Your Mother e você pode ter esquecido


The Walking Dead

Assim como outras séries desta lista, The Walking Dead muda a abertura de acordo com o desenvolvimento da história. No entanto, a introdução nunca deixa de ser arrepiante e misteriosa. A cada abertura, o cenário fica mais sombrio e abandonado - bem estilo pós-apocalíptico. É sempre bom ficar atento aos elementos escondidos nas cenas.

LEIA MAIS: HQ de The Walking Dead chega ao fim sem resolver seu maior mistério


The Orange Is The New Black

A abertura de The Orange is The New Black é, no mínimo, impactante. A vinheta mostra as faces de 52 ex-detentas da vida real, incluindo Piper Kerman, a norte-americana que inspirou o enredo da série. A música “You’ve Got Time”, de Regina Spektor, aumenta a emoção das cenas.

LEIA MAIS: Atriz de Orange is The New Black pode ser a primeira heroína trans do MCU, diz site


American Gods

A vinheta de American Gods é genial. Com toques neons, elementos futuristas e uma trilha sonora misteriosa e cativante, a série sobre a guerra entre deuses antigos e novos traz uma das aberturas mais bem pensadas e bem desenvolvidas já criadas. Enredos importantes da trama estão escondidos na abertura e dá para perceber o cuidado colocado em cima dela.

LEIA MAIS: A Vez dos Esquisitos


Smallville

Com uma abertura muito nostálgica, Smallville já conquista com a música “Save Me”, de Remy Zero. Toda a montagem é uma viagem pelos visuais dos anos 2000. A vinheta da série sobre o Superman é grandiosa e promete uma jornada épica.

LEIA MAIS: Ex-Smallville, Tom Welling voltará a ser Superman em séries da DC


Narcos

A música romântica “Tuyo”, de Rodrigo Amarante, foi a escolhida para a abertura de Narcos. Com cenas sobre o mundo do crime, como lavagem de dinheiro e drogas, a vinheta mostra a história de Pablo Escobar e as tentativas de rastreamento por parte dos policiais para achar o traficante. Com charme, a introdução apresenta o estilo da época do “senhor da droga colombiano”.

LEIA MAIS: Netflix renova Narcos para terceira e quarta temporadas


The Big Bang Theory

A abertura de The Big Bang Theory é uma das mais animadas - e educativas - desta lista. A história da Terra é contada em menos de 30 segundos, e é acompanhada de uma letra viciante e rápida. Não dá para resistir, e por isso a cantamos toda vez - e ficamos sem fôlego toda vez.

LEIA MAIS: The Big Bang Theory: 6 segredos de bastidores que você provavelmente não sabia


That 70’s Show

Todos os personagens dentro de um caro é a premissa da abertura de That 70’s Show. A vinheta igualmente divertida e animada traz o tom roqueiro com a música “In the Street”. Com o passar das temporadas, o carro deixa de ser o elemento principal da vinheta e uma roda de beck toma a frente.

A série teve até direito a aberturas com temas de Natal e do Halloween. A nostalgia é forte.

LEIA MAIS: 8 discos de rock que a Rolling Stone amou nos anos 1970, mas você nunca ouviu falar [LISTA]


Freaks & Geeks

A abertura da série cult mostra os protagonistas tirando fotos para a escola. Nela já podemos entender a dinâmica dos personagens e as principais características de cada um. Ao som de “Bad Reputation", de Joan Jett, a vinheta é viciante.

LEIA MAIS: Joan Jett desafia a ideia de que rock é só para homens em trailer de Bad Reputation


Um Maluco no Pedaço

A abertura de Um Maluco no Pedaço com certeza é uma das mais marcantes. A história do personagem é mostrada com cenas muito divertidas e com visuais intensos. A narração fica por conta do protagonista da atração e cantor Will Smith com um rap nostálgico.

LEIA MAIS: Will Smith fará spin-off de Um Maluco no Pedaço, diz site


Anne With An E

A série subestimada da Netflix apresenta uma abertura muito bem produzida. As artes simbolizam a imaginação da jovem protagonista, e as imagens são inquietantemente pacíficas. Os tons de outono e nobres apenas enaltecem as cenas. A música tema é a brilhante “Ahead By A Century”, de The Tragically Hip.

LEIA MAIS: O Irlandês, The Crown e mais: 48 filmes e séries que estreiam na Netflix em novembro


Família Soprano

Família Soprano apresenta uma abertura com o protagonista Tony Soprano (James Gandolfini) pela cidade de Nova York até chegar a casa da família mafiosa ítalo-americana. O tema “Woke Up This Morning” começa baixo e misterioso até explodir com a chegada de Tony à residência. Uma abertura memorável de uma das séries mais famosas a ir ao ar.

LEIA MAIS: Filme de Família Soprano já tem ator para interpretar o jovem Tony


Cheers

Cheers tem uma das aberturas mais lembradas da TV. Com artes e imagens representando um bar do século passado, a vinheta apresenta o tema “Where Everybody Knows Your Name”, cantado por Gary Portnoy. Romântica e dramática ao mesmo tempo, a música simboliza a história dos personagens de forma bem sutil, mas sublime.

LEIA MAIS: Central Perk, Cheers, Moe's Tavern: bares, cafés e restaurantes onde tudo acontece nas séries de TV


Golden Girls

A abertura de Golden Girls não tem muitos segredos: ela apresenta cenas das personagens. No entanto, essa simplicidade representa o coração da produção sobre amizade. Inclusive, a vinheta não deixa de ser divertida e animada, bem no estilo da série. Confortante e doce, a introdução tem o tema “Thank You For Being a Friend”, na voz de Cynthia Fee.

LEIA MAIS: 9 filmes e séries com 50 anos (ou mais) de idade que você vai amar [LISTA]