Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone
Notícias / Processo

George R. R. Martin e mais 16 escritores processam OpenAI; 'Para preservar a nossa literatura'

Ação movida contra empresa criadora do ChatGPT alega "violação de direitos autorais"

George R. R. Martin é autor da série de livroes "As Crônicas de Gelo e Fogo" que inspirou a série de TV "Game of Thrones" (Foto: Matt Sayles)
George R. R. Martin é autor da série de livroes "As Crônicas de Gelo e Fogo" que inspirou a série de TV "Game of Thrones" (Foto: Matt Sayles)

George RR Martin processou os criadores do ChatGPT por violação de direitos autorais. O processo foi movido com mais 16 escritores alegando “roubo sistemático em grande escala” e “violações flagrantes e prejudiciais dos direitos autorais registrados dos demandantes”.

“É imperativo que paremos com este roubo ou destruiremos a nossa incrível cultura literária, que alimenta muitas outras indústrias criativas nos EUA”, disse a CEO do Authors Guild, Mary Rasenberger, num comunicado (via O Globo). 

+++LEIA MAIS: TikTok bane lives de NPC

“Grandes livros são geralmente escritos por aqueles que passam suas carreiras e, na verdade, suas vidas, aprendendo e aperfeiçoando seu ofício. Para preservar a nossa literatura, os autores devem ter a capacidade de controlar se e como os seus trabalhos são usados ​​pela IA generativa,” complementa. 

A ação movida contra a empresa argumenta que a tecnologia gerou “um esboço não autorizado e detalhado para uma prequela” de Game of Thrones, usando “os mesmos personagens dos livros escritos por Martin".

Entre os demais autores que processam a OpenAI estão John Grisham, autor de best-sellers como A firma e O cliente.David Baldacci, Sylvia Day, Jonathan Franzen e Elin Hilderbrand também fazem parte da lista.