Pulse

George RR Martin está irritado com boatos de que teria terminado os últimos livros de Game of Thrones

O autor não ficou nem um pouco contente com a informação espalhada por Ian McElhinney, o Barristan Selmy na série

Redação Publicado em 14/05/2019, às 12h50

None
George R. R. Martin (Foto: Evan Agostini / AP)

George R.R. Martin, autor dos livros Cônicas de Gelo e Fogo, nos quais Game of Thrones é baseada, comentou em seu blog sobre os boatos que surgiram recentemente de que teria finalizado os dois últimos volumes da saga: The Winds of Winter e A Dream of Spring.  

Para a infelicidade dos leitores, ele negou a informação e ainda deixou claro que isso está bem longe de acontecer: "Eu ainda nem comecei Dreams. E não vou começar a escrever o sete enquanto não terminar o seis", afirmou.

+++Emilia Clarke explica a origem do copo de café que apareceu em Game of Thrones

E, com uma irritação clara, completou: "Me parece até um absurdo ter que dizer isso. Nosso planeta é redondo e a Terra gira em torno do sol, a água é molhada. Preciso falar isso também? Fico incomodado que as pessoas acreditaram nessa história, mesmo que por um instante. Não faz sentido algum."

E Martin não parou por aí. "Por que eu guardaria por anos livros prontos? Por que as editoras, não apenas nos Estados Unidos, mas no mundo todo, concordariam com isso? Eles ganham milhões de dólares toda vez que sai um novo livro das Crônicas de Gelo e Fogo, e eu também", finalizou.

+++4,5 mil bebês recebem nomes de personagens de Game of Thrones nos EUA

Tudo começou quando Ian McElhinney, ator que interpreta Barristan Selmy, falou ao público em uma convenção na Rússia que o escritor estaria apenas esperando a série da HBO terminar para lançar os últimos livros.

Recentemente, o rapper 50 Cent ficou irritado com a popularidade de Game of Thrones, e foi às redes sociais para xingar os fãs o programa e descarregar sua frustração.  

+++ De Everest a Frank Sinatra: 16 histórias que todos os fãs de Beatles deveriam saber