Globo de Ouro 2021 faz história ao indicar três mulheres para Melhor Direção

A premiação revelou a lista de indicados na última quarta, 3

Julia Harumi Morita | @the_harumi Publicado em 04/02/2021, às 09h10

None
Regina King (Fotos: Getty Images /Frazer Harrison), Chloe Zhao (Foto: Getty Images /Phillip Faraone) e Emerald Fennell (Getty Images /Frazer Harrison)

Na última quarta, a HFPA -Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood revelou a lista de indicados ao Globo de Ouro 2021 e surpreendeu ao indicar três mulheres para Melhor Direção. (Via Variety)

Ao longo das últimas 77 edições, a categoria nunca contou com mais de uma mulher entre os concorrentes e apenas uma diretora, Barbra Streisand, levou a estatueta para casa.  

No total, apenas cinco mulheres foram indicadas: Streisand por Yentl (1983) e O Príncipe das Marés(1991), Jane Campion por The Piano (1993), Sofia Coppolapor Encontros e Desencontros (2003), Kathryn Bigelow por Guerra ao Terror(2008) e A Hora Mais Escura (2012), e Ava DuVernay por Selma: Uma Luta pela Igualdade (2014).

+++ LEIA MAIS: 4 motivos para maratonar Normal People, minissérie indicada ao Globo de Ouro 2021 [LISTA]

Em 2021, as diretoras Chloe Zhao, Emerald Fennell e Regina King fazem história e participam da categoria com os longas-metragens Nomadland, Bela Vingança e Uma Noite em Miami, respectivamente. As obras concorrem com Mank, de David Fincher, e Os Sete de Chicago, de Aaron Sorkin.  

Vale lembrar que Zhao é a primeira mulher de ascendência asiática a ser indicada para Melhor Direção, enquanto King é a segunda mulher negra a concorrer na categoria.

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes


+++ PAI EM DOBRO | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL