Gore Verbinski deixa Piratas do Caribe 4

Cineasta responsável pela franquia estrelada por Johnny Depp não vai dirigir o quarto filme da cinessérie

Da redação Publicado em 10/04/2009, às 15h29

Após Keira Knightley (Elizabeth Swann) declarar que não participará do quarto filme da franquia Piratas do Caribe, foi a vez do diretor Gore Verbinski abandonar o navio.

De acordo com o site da revista Variety, Verbinski está à frente do projeto que adaptará o game Bioshok às telonas e irá dedicar-se inteiramente ao novo trabalho. "Foi ótimo levar Piratas do Caribe aos cinemas e sou eternamente grato ao Jerry [Bruckheimer, produtor] e à equipe de produção", declarou.

Entretanto, Johnny Depp está mais do que confirmado como Jack Sparrow em Piratas do Caribe 4. Pelo trabalho, o ator receberá £ 32 milhões - o equivalente a R$ 103 mi. Até então, o maior cachê já pago pelo cinema pertencia a Tom Hanks pelas atuações em Código Da Vinci e Anjos e Demônios (que estreia por aqui em 15 de maio): £ 29 milhões.

Piratas do Caribe: A Maldição do Pérola Negra conferiu a Johnny Depp uma indicação ao Oscar de melhor ator em 2004; O Baú da Morte faturou a estatueta da Academia na categoria de melhores efeitos especiais em 2007; No Fim do Mundo foi indicado a dois Oscar, de melhor maquiagem e melhores efeitos especiais.

Ainda sem nome oficial, o quarto longa deve estrear em 2012.