Grammy 2021: 4 curiosidades sobre Hollywood's Bleeding, disco indicado de Post Malone

Na 63ª edição da premiação, o músico concorre na categoria de Álbum do Ano

Julia Harumi Morita | @the_harumi Publicado em 06/02/2021, às 16h00

None
Capa de Hollywood's Bleeding (Foto: Reprodução /Twitter)

Post Malone não é nenhum novato no Grammy Awards e acumula nove indicações desde 2018. Na estreia do músico na premiação, ele foi indicado para quatro categorias pelo o disco Beerbongs & Bentleyse na edição seguinte recebeu duas nomeações pelo hit "Sunflower".

Neste ano, Malone concorre em três categorias: Álbum do Ano com Hollywood's Bleeding e Gravação do Ano e Música do Ano com o single do disco "Circles". Lançado em setembro de 2020, o disco foi um dos favoritos das paradas musicais e da temporada de premiações. 

+++ LEIA MAIS: Grammy 2021: 4 músicas para conhecer a carreira de Noah Cyrus, irmã de Miley [LISTA]

Pensando nisso, a Rolling Stone Brasil separou quatro curiosidades sobre o disco Hollywood's Bleeding para entrar no clima do Grammy 2021. Confira: 

Processo por causa dos créditos de "Circles"

Malone foi processado pelo músico Tyler Armes, o qual declarou que não recebeu os devidos créditos e pagamentos por "Circles". Segundo a Rolling Stone EUA, Armes afirmou que contribuiu para a letra e diversos elementos da melodia, como acordes e a linha de baixo. 

Os documentos ainda alegam que Malone chegou a oferecer 5% dos royalties de publicação, mas Armes negou a proposta por acreditar que o valor não era proporcional à contribuição dele. 

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes

Parceria com Ozzy  Osbourne

Em entrevista ao NPR, o produtor de Hollywood's Bleeding, Andrew Watt, revelou que teve a ideia juntar Malone e Ozzy Osbourne depois de descobrir que o rapper tinha comprado uma foto do astro do rock. 

“Eu apenas vi essa imagem em meu cérebro de Post segurando uma foto de Ozzy [...] E foi então que me ocorreu a ideia: 'Cara, se Post e Ozzy fizessem uma música juntos, seria absolutamente insano.'"

Então Watt entrou em contato com Kelly Osbourne, que aprovou a ideia, e começou a escrever a canção com Malone para enviar para Ozzy. Porém o astro só respondeu meses mais tarde por causa das complicações de saúde. 

No fim, Ozzy aceitou participar e ainda convidou Watt para produzir o disco dele, Ordinary Man.

+++ LEIA MAIS: Grammy 2021: 6 músicas para conhecer e amar Phoebe Bridgers


Grande vencedor do Billboard Music Awards

Após lancar Hollywood's Bleeding, Malone se tornou o grande vencedor do Billboard Music Awards 2020 e levou os prêmios de Melhor Artista, Artista Masculino, Melhor Artista Billboard 200, Melhor Artista do Hot 100, Melhor Desempenho de Artista no streaming, Melhor Artista de Rap, Melhor Artista Masculino de Rap, Melhor Turnê de Rap e Melhor Álbum de Rap.

+++ LEIA MAIS: Grammy 2021: 6 músicas para entender a trajetória de Haim, banda indicada a Melhor Álbum


Parceria com Eminem 

Em entrevista ao Beats 1, Malone revelou que planejava fazer uma parceria com Eminem, mas os músicos não conseguiram conciliar a agenda deles. 

"Houve um tempo em que estávamos resolvendo tudo", disse o rapper. "Às vezes, eles simplesmente não combinam na hora certa. Haverá um tempo. ”

+++ LEIA MAIS: Grammy 2021: Conheça Jack Harlow, hit do TikTok em ascensão no hip hop [ENTREVISTA]


+++ PAI EM DOBRO | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL