Guitarrista do Police fala em disco novo

Turnê serve de inspiração, ele diz, mas trio precisa discutir o assunto

Da redação Publicado em 08/10/2007, às 19h37 - Atualizado em 09/11/2007, às 16h57

Em declaração à agência de notícias AP, o guitarrista do The Police, Andy Summers, afirmou que a turnê de reunião do grupo - separado em 1984 - serve de inspiração para a gravação de um disco novo - o que seria brilhante a essa altura da carreira dos integrantes, segundo ele. Porém, Summers reconhece que as perspectivas de gravação precisam ser debatidas pelo trio.

Autor de sucessos como "Every Breath You Take", o Police se desmanchou na década de 80 com cinco álbuns na discografia. À época, falou-se em problemas sérios de relacionamento entre Summers, o vocal e baixista Sting e o baterista Stewart Copeland - Sting e Copeland já trocaram murros.

O trio voltou a subir ao palco em maio deste ano; o show de estréia aconteceu no Canadá. Em 8 de dezembro, Sting e companheiros tocarão no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, depois de passar pela Argentina e pelo Chile. A turnê que comemora os 30 anos do Police.