Guns N' Roses perde guitarrista

Banda comenta, em seu site oficial, a volta de Robin Finck ao Nine Inch Nails

Da redação Publicado em 22/04/2008, às 12h37 - Atualizado às 13h22

Axl, agora sem guitarrista, gastou cerca de R$18,5 milhões na produção de Chinese Democracy
Cortesia da Rockless Road

O guitarrista Robin Finck anunciou recentemente sua saída do Guns N' Roses. Finck troca, pela segunda vez, o Guns pelo Nine Inch Nails, de Trent Reznor.

Axl Rose e cia. afirmaram, em declaração publicada no site oficial da banda, que foram pegos de surpresa. "Os planos de Robin pegaram todos no Guns desprevenidos, assim como nossos fãs. Não sabemos de muito e preferimos não especular ou opinar nesse momento (...). Quando começarmos a organizar nossos planos de sair em turnê, veremos onde estamos", afirmaram em um dos trechos da declaração.

Finck foi contratado pelo Guns em 1996. Ficou dois anos com a banda, saiu em turnê com o NIN, e voltou para o Guns em 2000, dividindo o posto de guitarrista com Buckethead, que deixou o grupo em 2004.

Chinese Democracy

No início deste mês, a imprensa internacional afirmou que a Geffen, gravadora do Guns, já recebeu uma cópia finalizada do álbum Chinese Democracy. Na declaração sobre a saída de Finck, a banda afirma que está "em negociações para o lançamento e as coisas estão indo bem".