Há 37 anos: Led Zeppelin enfrentava acusações de satanismo em Stairway To Heaven

O furor das acusações foi tanto que o estado da Califórnia até criou uma lei por causa da música

Redação Publicado em 28/04/2019, às 09h00

None
Led Zeppelin (Foto: DPA/AP Photos)

Diversas bandas já se divertiram escondendo mensagens secretas em suas músicas; estas só poderiam ser descobertas se tocadas de trás para frente. É o caso de “Empty Space”, do Pink Floyd, que contém a frase “parabéns, você acaba de descobrir a mensagem secreta”, ou "Ilusão de Ótica", do Engenheiros do Hawaii, com seu "Por que ‘cê’ tá ouvindo isso ao contrário? O que cê tá procurando, hein?”

+++ SOLTA O RIFF! Rolling Stone Brasil vai premiar o melhor riff do Instagram com prêmios exclusivos; participe!

Toda essa moda começou com "Stairway to Heaven", do Led Zeppelin. A canção de 1971 foi acusada de esconder mensagens subliminares de satanismo, e estas só seriam perceptíveis quando a música fosse tocada ao contrário.

Após o lançamento da música, diversas pessoas desconfiaram que o disco escondia mensagens escondidas. “Oh, esta é para meu doce Satã. Aquele cujo caminho curto me deixaria triste, de quem o poder é Satã. Ele dará o 666 para quem está com ele. Existia uma cabana onde ele nos fez sofrer, triste Satã”, diria a letra em homenagem ao Diabo.

+++ Led Zeppelin revela versão “sombria” de “Stairway to Heaven”, que estará em relançamento de luxo; ouça

As acusações ficaram tão sérias que, mais de uma década depois do lançamento da música, foram levadas à Assembleia do Estado da California. No dia 28 de abril de 1982, 37 anos atrás, o órgão judiciário promoveu uma audiência em nome do Comitê de Defesa do Consumidor para avaliar as acusações. Na reunião, avaliaram a lei proposta por um deputado de que os produtos viessem com rótulos avisando de mensagens subliminares.

A banda sempre negou todas as acusações, que consideram absurdas. “Quem no mundo pensaria em fazer isto? Você tem que ter muito tempo livre para até mesmo considerar que alguém se prestaria ao serviço”, disse Robert Plant para a Rolling Stone EUA à época. Eddie Kramer disse que a ideia é “total e completamente ridícula. Porque eles iriam querer ficar tanto tempo em um estúdio fazendo algo tão idiota?”

+++ Led Zeppelin enfrentará júri em processo por plágio de “Stairway to Heaven”

Apesar dos rumores de satanismo, "Stairway To Heaven" foi um sucesso. Nos anos 1970, foi a música mais pedida em rádios dos EUA. Depois disso, se consagrou como clássico: em votação popular no VH1 em 2000, foi eleita a 3ª melhor música do mundo, e em 2004 entrou para a lista 500 Melhores Músicas de Todos os Tempos da Rolling Stone, ocupando o 31º lugar.